RESULTADO

Regina Parra (SP) e Marcelo Coutinho expõem na Fundaj

Os artistas foram selecionados no 5º Concurso de Videoarte da Fundação Joaquim Nabucoo

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 10/04/2013 às 6:00
Leitura:

Poucos dias depois de mostrar o resultado do edital de residências artísticas, a Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj) inaugura a exposição de outro projeto da instituição para as artes visuais, o 5º Concurso de Videoarte. Nesta quarta-feira (10/4), a partir das 19h, serão exibidos na Galeria Vicente do Rego Monteiro as obras de Regina Parra (SP) e Marcelo Coutinho.

Os projetos deles foram selecionados por uma comissão formada pelo curador Moacir dos Anjos, pela professora Angela Prysthon e pelo cineasta Kleber Mendonça Filho. Os vídeos foram realizados em 2012. Naquele ano, Marcelo Coutinho participou da 30ª Bienal de São Paulo e incluiu uma versão anterior do vídeo Soarsso entre as obras que mostrou na capital paulista (a que será exibida no Recife tem outra edição e sonorização). Em seu vídeo, Coutinho cria um verbete visual, dá continuidade à pesquisa com neologismos que ele desenvolve desde 1997.

Regina Parra mostra, em 7.536 passos (por uma geografia da proximidade), uma caminhada do centro até a zona leste de São Paulo. O trajeto revela a presença cada vez maior de imigrantes bolivianos na capital paulista – percepítvel não apenas pelas imagem deles e do idioma dos letreiros das lojas, mas também pelas músicas que Regina ouve no rádio de pilha durante o caminho.

Frame do vídeo de Regina Parra (SP) -
Ruínas Igreja do Bom Sucesso, na Ilha de Costinha (PB), em frame do vídeo de Marcelo Coutinho -
Jane Pinheiro/Divulgação
Ismael Portela na cena do banho (obra de Marcelo Coutinho) - Jane Pinheiro/Divulgação
Jane Pinheiro/Divulgação
Ismael Portela e Sheila Madeiro na cena da alimentação (obra de Marcelo Coutinho) - Jane Pinheiro/Divulgação

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias