Piadas, críticas e solidariedade: a repercussão da prisão de Fábio Assunção

"Por favor, procure um tratamento. Você não pode acabar com sua vida deste jeito", pediu um fã. "Desacato tem que ir pra gaiola mesmo!", escreveu outro internauta

Foto: Reprodução
"Por favor, procure um tratamento. Você não pode acabar com sua vida deste jeito", pediu um fã. "Desacato tem que ir pra gaiola mesmo!", escreveu outro internauta - FOTO: Foto: Reprodução

A prisão de Fábio Assunção na manhã deste sábado (34), em Arcoverde, está repercutindo de diversas maneiras nas redes sociais. O ator foi autuado por dano qualificado ao patrimônio público, desacato a autoridade, desobediência e resistência à prisão.

Enquanto uns fazem piadas, outros fazem depoimento de solidariedade ao ator. Vídeos publicados nas redes sociais mostram que ele estava fora de si por ter exagerado em consumo de álcool e drogas, supostamente.

"Por favor, procure um tratamento. Você não pode acabar com sua vida deste jeito", disse um fã em seu perfil no Instagram. "Que triste o que aconteceu em Pernambuco, era muito fã desse cara. Ele tem que voltar o tratamento urgente", recomendou outro.

Vocalista da banda Detonautas, Tico Santa Cruz fez um depoimento em seu Facebook também em defesa de Fábio. "Não farei juízo de valores. Ninguém está livre de passar por algo desse tipo", escreveu.

Por outro lado, outras pessoas criticaram o ator global, que veio a Pernambuco lançar um documentário sobre coco. "Mais uma da série "Os artistas desse país". Parabéns Fábio Assunção Zé Droguinha, desacato tem que ir pra gaiola mesmo! Parabéns aos PM's", escreveu um internauta no Twitter. Outros ainda fizeram piadas.

VEJA A REPERCUSSÃO DO CASO:

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias