ESPETÁCULOS

Fim de semana agitado

Shows de sexta e sábado da Virada Multicultural misturaram ritmos e arrastaram milhares para o Marco Zero

Jacques Waller
Jacques Waller
Publicado em 16/10/2011 às 15:54
Leitura:

Em meio a críticas públicas e de bastidores de produtores culturais e alguns músicos, as apresentações que marcaram o primeiro dia da Virada Multicultural do Recife, ocorridas, na sexta (14), no Marco Zero, não chegaram a abarrotar o local, mas funcionaram e agradaram ao público presente. Em cima do palco e na plateia o que se viu foi uma interessante circulação de diferentes ouvintes e estilos musicais.

Durante o show do Clube do Samba – comandado pela cantora Karyna Spinelli –, o público curtiu e dançou clássicos do ritmo nacional e composições autorais da moça e de seus convidados Geraldo Maia, Paulo Perdigão, Jorge Riba, Demóstenes e Mônica Feijó. Estavam lá referências aos tradicionais Cartola, Roberto Ribeiro, Noel Rosa, Lupicínio Rodrigues, aos contemporâneos Mundo Livre S/A e Eddie e à beleza estética de tradições religiosas afrobrasileiras como o candomblé.

A noite foi caliente no segundo dia de apresentações da Virada Multicultural do Recife, neste sábado (15). Os sorrisos, a alegria, e a emoção dos membros do lendário grupo Buena Vista Social Club foram devidamente absorvidos pelas milhares de pessoas que lotaram a praça do Marco Zero, no sábado.

Antes mesmo da apresentação, os atuais integrantes do Buena Vista – 13 músicos de várias gerações – distribuíam simpatia nos bastidores. Cercados por admiradores e jornalistas, todos se mostravam bastante solícitos para conversas, apertos de mãos, abraços, beijos e poses para fotos. Os músicos mais antigos Barbarito Torres (atual líder do projeto), Ignácio Mazacote e, principalmente, Ignacio Carrillo, de 85 anos, eram os mais festejados.

Confira a cobertura completa na edição desta segunda (17) do JC.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias