MIMO

Um passeio musical

No fim de semana, Olinda continua a sediar etapa da 11ª edição do festival que tem mais do que shows

Alef Pontes
Alef Pontes
Publicado em 05/09/2014 às 13:13
Mimo/Divulgação
No fim de semana, Olinda continua a sediar etapa da 11ª edição do festival que tem mais do que shows - Mimo/Divulgação
Leitura:

Desde a noite desta quinta-feira (04) o Sítio Histórico de Olinda sedia a edição 2014 do Mimo. E a programação continua repleta de concertos, palestras, debates, exibições audiovisuais e até gastronômicas espalhados pelas ruas e igrejas da Cidade Alta durante todo o fim de semana.

A programação musical conta com concertos de músicos de vários lugares do mundo. “A gente começa na Índia, passa pela Califórnia, depois vai para a Europa, com a música erudita, passando pela França e Escócia, e chega ao Brasil. É um verdadeiro passeio musical, um presente que transforma, através da música, várias origens do mundo”, afirma André Oliveira, diretor artístico do Mimo.

Além disso, o festival conta com exibição de filmes, como Geração Baré-Cola, de Patrick Grosner, e Democracia em preto e branco, de Pedro Asbeg. Nesta sexta-feira (05), o jornalista e crítico de cinema carioca Marcelo Janot ministra a palestra Na Trilha de Kubrick abordando a relação entre os filmes do renomado diretor Stanley Kubrick e a música e discutindo obras como 2001: uma odisseia no espaço, Laranja mecânica, O iluminado e De olhos bem fechados. O debate acontece às 11h, no auditório da Aeso.

Entrando no clima do evento, cinco restaurantes do Sítio Histórico de Olinda prepararam receitas especiais dedicadas ao festival. Casbah Mourisco, Oficina do Sabor, Maison do Bomfim, Don Francesco Trattoria e Estação Café são as casas que participam nesta edição, com pratos que trazem em seus nomes homenagens ao festival: Arabidinho Mimo; Camarão nos Quintais de Olinda; Robalo Chick Corea; Spaghetti alla carbonara Jorginho Neto; e o Manjar Igreja da Sé, respectivamente.

Visando reduzir o tráfego durante as apresentações do Mimo, a Secretaria de Transportes e Trânsito de Olinda montou bloqueio nas principais vias do Sítio Histórico, das 15h às 23h, nos dias do festival. Também foram providenciados estacionamentos em cinco locais: Sítio dos Seus Reis; estacionamento do Fortim; estacionamento do Mosteiro de São Bento; Academia Santa Gertrudes e estacionamento do Largo do Rosário.

Para quem pretende ir de ônibus, basta ficar atento às principais linhas que atendem ao Sítio Histórico: Rio Doce/CDU, Pau Amarelo, Conjunto Beira-Mar/Derby e Rio Doce (Conde da Boa Vista), entre outras.

 

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias