SEPARAÇÃO

Brad Pitt acusa Angelina Jolie de expor privacidade dos filhos

Moção legal acusa Jolie de "tentar abrir caminho para fazer qualquer acusação possível", sem levar em conta seu impacto sobre os filhos.

JC Online
JC Online
Publicado em 23/12/2016 às 9:59
Foto: Divulgação
Moção legal acusa Jolie de "tentar abrir caminho para fazer qualquer acusação possível", sem levar em conta seu impacto sobre os filhos. - FOTO: Foto: Divulgação
Leitura:

Na última quarta-feira (21), os advogados de Brad Pitt fizeram um pedido para o juiz do divórcio entre o astro de Angelina Jolie: tornar privados todos os documentos que envolvam os seis filhos do casal.

Na moção, Pitt acusa Angelina Jolie de expor a privacidade dos filhos ao exigir que o processo de divórcio seja aberto para consulta pública.

Acusação

Os advogados de Pitt afirmam que Jolie mostra pouco interesse pelo bem-estar dos três filhos e três filhas, e que os representantes da atriz tentam manchar a imagem do pai para as crianças. Eles argumentam que argumenta Jolie já violou o acordo que firmou para proteger a privacidade das crianças, com entre 8 e 15 anos, ao divulgar os nomes dos psicólogos da família. Os advogados também acusam a atriz de "tentar abrir caminho para fazer qualquer acusação possível", sem levar em conta seu impacto sobre os filhos.

Anteriormente no processo, Pitt já havia feito pedido para selar todos os documentos de divórcio.

Atualmente, Brad Pitt só vê os filhos - Maddox (15), Pax (13), Zahara (11), Shiloh (10) e os gêmeos Knox e Vivienne (8) - durante sessões supervisionadas de terapia.

Últimas notícias