INVESTIMENTO

Prefeitura do Recife anuncia nova data de resultado do SIC

Com atraso na divulgação, os projetos aprovados pelo Sistema de Incentivo à Cultura (SIC) receberão um investimento total de R$ 5,6 milhões

Valentine Herold
Valentine Herold
Publicado em 03/03/2020 às 14:53
Notícia
Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR
Serão investidos R$ 5,6 milhões na cultura do Recife através do SIC - FOTO: Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR
Leitura:

Após dois meses e meio de atraso em relação à divulgação do resultado do Sistema de Incentivo à Cultura (SIC), a Prefeitura do Recife (PCR) anunciou na noite desta segunda-feira (02) que o anúncio será realizado no próximo dia 31. No total, serão investidos R$ 5,6 milhões com o intuito de fomentar as diversas cadeias produtivas da arte na capital pernambucana, como música, artes cênicas, audiovisual, fotografia, literatura, artes visuais, artesanato, cultura popular e patrimônio artístico e cultural. No total, foram computadas 250 inscrições válidas.

>> Recife anuncia verba de R$ 5,6 milhões para iniciativas artísticas

>> SIC foi cancelado desde 2012

Segundo nota enviada pela PCR, "o calendário do SIC precisou ser revisto após uma prorrogação do prazo de inscrições, demandada pela sociedade civil, no último mês de dezembro. Para garantir uma avaliação cuidadosa e criteriosa dos projetos inscritos, a Prefeitura optou por não realizar a seleção durante os ciclos natalino e carnavalesco, quando precisa se dedicar à produção e realização das festas de rua que melhor traduzem, representam e apresentam a cultura recifense e pernambucana."

A próxima fase do processo consiste na avaliação documental dos projetos habilitados, entre os dias 16 e 20 de março. Os projetos serão acolhidos e analisados pela Comissão Deliberativa do SIC, formada por representantes do poder municipal, da secretaria de Cultura e da Fundação de Cultura, e por representantes do Conselho Municipal de Cultura.

Ainda segundo as informações da Prefeitura, o Mecenato, que prevê a captação dos artistas junto à iniciativa privada após a aprovação dos projetos, foi o mecanismo que registrou maior procura, com um total de 127 inscrições válidas. O Audiovisual e a Música foram as linguagens que concentraram a maior parte da demanda, com 35 projetos inscritos em cada. As Artes Cênicas ficaram em terceiro lugar, com 26 projetos.

O Fundo de Incentivo à Cultura, que contará com investimento direto do poder municipal, contabilizou 78 inscrições. Novamente a Música, além da Cultura Popular, foram as linguagens que registraram mais inscritos, com 24 e 23 projetos, respectivamente. O Audiovisual e as Artes Cênicas tiveram a terceira e a quarta maiores demandas, tendo registrado 14 e 11 projetos inscritos.

 Para o Mecenato, os valores por linguagens são:

 Audiovisual: R$ 700.000,00

Música: R$ 200.000,00

Teatro: R$ 200.000,00

Dança: R$ 150.000,00

Circo: R$ 100.000,00

Cultura Popular: R$ 200.000,00

Patrimônio: R$ 150.000,00

Fotografia: R$ 100.000,00

Literatura: R$ 100.000,00

Artes Visuais: R$ 100.000,00

Artesanato: R$ 100.000,00

Os R$ 3,5 milhões que serão dedicados a eventos e projetos culturais promovidos pela sociedade civil na capital de tantas tradições e vocações serão assim distribuídos entre os diferentes mercados e manifestações:

Audiovisual: R$ 500.000,00

Música: R$ 960.000,00

Artes Cênicas: R$ 1.070.000,00

Fotografia: R$ 50.000,00

Cultura Popular: R$ 820.000,00

Artesanato: R$ 100.00,00

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias