Lembranças

Missa de sétimo dia de Domingos Montagner reúne amigos e familiares

Homenagem ao ator aconteceu na noite desta quarta-feira (21), em uma igreja da região central de São Paulo

JC Online
JC Online
Publicado em 22/09/2016 às 11:58
Foto: Caiuá Franco/TV Globo
Homenagem ao ator aconteceu na noite desta quarta-feira (21), em uma igreja da região central de São Paulo - FOTO: Foto: Caiuá Franco/TV Globo
Leitura:

Amigos e familiares compareceram à missa de sétimo dia do ator Domingos Montagner, que morreu na última quinta-feira (15), afogado no Rio São Francisco, em Canindé de São Francisco, no sertão sergipano. De acordo com informações do site Ego, a homenagem aconteceu na noite desta quarta-feira (21), em uma paróquia na região central de São Paulo.

Luciana, mulher de Domingos, chegou bem cedo ao local sem os filhos. Antes da celebração, Francisco Montagner, irmão de Domingos, falou rapidamente com a imprensa sobre como ele e toda família estão. "Ainda estamos assimilando tudo isso", disse. A missa foi realizada especialmente para a ocasião já que não costuma acontecer neste horário. Francisco Montagner falou sobre Domingos em poucas palavras.

Ainda segundo o portal de celebridades, ao fim da missa, o ator Dan Stulbach falou sobre o amigo. "Não não víamos todos os dias, mas éramos da mesma turma de amigos, da mesma geração de circo, de teatro. Ele era um cara muito legal , muito bacana, é um grande pai, um grande marido, tudo que já disseram dele é verdade", declarou ele, que disse admirar muito a família de Domingos. São pessoas muito dignas, muito fortes, são pessoas muito admiráveis", declarou.

HOMENAGEM EM SERGIPE

Mais cedo, a população ribeirinha que vive nas margens dorio se reuniu na Prainha de Canindé de São Francisco, em Sergipe, para realizar o ato em homenagem ao ator que vivia Santo, protagonista da novela Velho Chico. A celebração foi realizada pelo Frei Enoque Salvador e reuniu cerca de duas mil pessoas.

Os organizadores do evento contaram ao site Ego que o ato é uma retribuição a tudo que Domingos Montagner fez, por meio de sua arte, pela população ribeirinha do Rio São Francisco, que serviu de referência para dois personagens de sua carreira: o Santo, de Velho Chico, e Herculano, de Cordel Encantado. O ator Umberto Magnani, que interpretou o Padre Romão na novela e morreu vítima de um acidente vascular encefálico, também foi homenageado na ocasião.

Últimas notícias