INFLAÇÃO

Inflação anual dos EUA chega ao nível mais alto em seis anos

A inflação ficou em 2,3%, segundo o índice PCE. A última vez que a inflação passou dos 2% foi em março de 2012

Julia Aguilera
Julia Aguilera
Publicado em 29/06/2018 às 17:24
Foto: AFP
A inflação ficou em 2,3%, segundo o índice PCE. A última vez que a inflação passou dos 2% foi em março de 2012 - FOTO: Foto: AFP
Leitura:

A inflação alcançou em maio nos Estados Unidos seu nível mais alto em seis anos, ficando em 2,3%, segundo o índice PCE publicado pelo Departamento do Comércio.

No mês, este índice de preços que se baseia nos gastos de consumo, medida preferida pelo Fed, o banco central americano, para observar a evolução dos preços, aumentou 0,2%, como esperavam os analistas.

Com 2,3%, a inflação passou pela primeira vez desde março de 2012 da barreira dos 2%, onde estava estacionada há dois anos.

Apesar de a alta dos preços da energia ajudar, a inflação anual subjacente - sem os setores voláteis da alimentação e da energia - também chegou a um pico em seis anos e ficou em 2%, alcançando o objetivo do Fed. 

No mês, os preços da energia aumentara 0,2%.

O aumento progressivo da inflação deveria consolidar a intenção do Fed de executar uma alta gradual das taxas de juros. 

O Fed aumentou os juros duas vezes nesse ano, e pelo menos outras duas altas são esperadas antes do fim do ano. Os juros atualmente estão em uma faixa de 1,75% a 2%.

"Com essa inflação que se mostra resiliente em torno da meta de 2% do Fed, continuamos antecipando que em 2018 haverá quatro aumentos das taxas, a menos que a política comercial altere os planos", disse Gregory Daco, da Oxford Economics.

A próxima reunião de política monetária do Fed terá início em 31 de julho. Por ora, os analistas esperam que a alta seja decidida na reunião de setembro.

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias