Habitação

Debate sobre teto do FGTS para casa própria será em maio

Discussão será realizada na próxima reunião do Conselho Curador do Fundo

Da Agência Estado
Da Agência Estado
Publicado em 19/03/2013 às 18:46
Leitura:

O novo ministro do Trabalho, Manoel Dias, disse nesta terça-feira que a possível elevação do teto do uso de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) na compra da casa própria (de R$ 500 mil para R$ 750 mil por mutuário), dentro do Sistema Financeiro de Habitação (SFH) pode "ser debatido já em maio, na próxima reunião do Conselho Curador do Fundo".

Nesta terça-feira o Conselho Curador do FGTS, presidido pelo ministro do Trabalho, teve reunião em Brasília, na qual foi discutido o planejamento estratégico do fundo para o período de 2013 a 2022. Dias assumiu o controle do ministério na segunda-feira substituindo Brizola Neto, que ocupou a pasta por dez meses.

O ministro do Trabalho informou também que os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de fevereiro serão divulgados na quarta-feira. Dias não deve participar da divulgação. Em janeiro foram criados apenas 28,9 mil postos de trabalho com carteira assinada, já descontadas as demissões.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias