Golpe

Hackers que criaram site falso do Banco do Brasil erram no português

Intenção era roubar dados dos consumidores, mas não saiu como esperado

Da editoria de economia
Da editoria de economia
Publicado em 27/07/2017 às 8:15
Foto: Internet/reprodução
Intenção era roubar dados dos consumidores, mas não saiu como esperado - FOTO: Foto: Internet/reprodução
Leitura:

Um grupo de hackers criou um site falso do Banco do Brasil para roubar dados dos consumidores, mas o golpe deu errado. Isto porque o endereço eletrônico, que pedia o preeenchimento dos dados bancários dos correntistas e até o IMEI (número de identificação) do celular, tinha um erro de português no final da página. 

O golpe é enviado por SMS e pode até convencer os desatentos de sua autenticidade, já que o site é muito parecido com o endereço verdadeiro do Banco do Brasil. No rodapé, porém, há a seguinte mensagem com erro de português, ao lado do ícone de telefone: "Ligue para nóis". 

Em nota, o Banco do Brasil informa que não liga ou envia mensagens com links pedindo senhas dos clientes. O banco também orienta a não informar senhas ou números de cartões em ligações ou links recebidos de páginas supostamente pertencentes à instituição. Casos semelhantes de tentativas maliciosas de roubo de dados podem ser reportados por e-mail (abuse@bb.com.br).

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias