CONCESSÕES

PPI prevê venda de participação da Infraero em aeroportos já cedidos

Segundo o material distribuído à imprensa, o governo entende que o objetivo da participação da estatal Infraero nesses concessões "foi alcançado"

Estadão Conteúdo Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo
Publicado em 23/08/2017 às 18:06
Foto: José Cruz/Agência Brasil
Segundo o material distribuído à imprensa, o governo entende que o objetivo da participação da estatal Infraero nesses concessões "foi alcançado" - FOTO: Foto: José Cruz/Agência Brasil
Leitura:

No amplo pacote de privatização anunciado nesta quarta-feira, 23, pelo governo federal, o governo anuncia a intenção de vender a participação da Infraero nos aeroportos já concedidos à iniciativa privada de Guarulhos em São Paulo, Confins em Belo Horizonte, Brasília e, no Rio de Janeiro.

Segundo o material distribuído à imprensa, o governo entende que o objetivo da participação da estatal Infraero nesses concessões "foi alcançado".

Objetivo

"Considera-se que o objetivo central pretendido pelo governo federal com a participação da Infraero nessas concessões, durante os últimos cinco anos, foi alcançado, que foi o aprendizado com modelos privados de gestão aeroportuária", cita o documento distribuído à imprensa.

O calendário do governo prevê que o edital para a venda da participação da Infraero nos terminais será publicado no segundo trimestre de 2018 e o leilão ocorrerá no terceiro trimestre daquele ano. Não há detalhe se a venda será em bloco ou individualmente.

Últimas notícias