TECNOLOGIA

2ª Campus Party Recife confirmada

Evento está marcado para 17 a 21 de junho, no Centro de Convenções e Chevrolet Hall. São duas mil vagas e as inscrições custam R$ 200. Vivo ofertará rede 4G

Manuella Antunes
Manuella Antunes
Publicado em 14/06/2013 às 9:40
Leitura:

Apesar do disse me disse que tomou conta das redes sociais sobre a realização ou não da 2ª edição da Campus Party no Recife, ontem, finalmente, o Instituto Campus Party, ao lado do Governo do Estado de Pernambuco e Prefeitura do Recife, confirmaram para os dias 17 a 21 de julho, no Centro de Convenções e Chevrolet Hall, a edição 2013 do evento mais esperado pelos geeks.

As novidades, entretanto, (quase) param no anúncio. A infraestrutura do evento será a mesma do ano passado. Esta edição continua tendo 2 mil vagas para campuseiros e quatro grande pilares de conteúdos: inovação, empreendedorismo, sustentabilidade e educação. O preço do ingresso também ficou igual: R$ 200. As inscrições poderão ser feitas já na próxima semana (o dia ainda não foi confirmado)através do site recife.campus-party.org. 

O investimento para o campuseiro que optar pelo camping duplo é de R$ 60. Já para a barraca dividida o valor é de R$ 30. Vale lembrar que o serviço de alimentação não está incluso nestes valores. A organização do evento avisou que isso será anunciado posteriormente. 

Entre os convidados confirmados para esta edição, está o fundador do UnCollege, Dale Stephens. A ideia é que o jovem de 19 anos compartilhe com os participantes sua perspectiva sobre o futuro da educação. Outro nome é o do criador do movimento SOP (Sem Obsolescência Programada) e líder da OEP Eletrics, Benito Muros. 

De acordo com o diretor do Instituto Campus Party, Davi Ruiz, o investimento total para a realização do evento é de R$ 5 milhões. Nem ele, nem o secretário de Ciência e Tecnologia, Marcelino Granja, entretanto, souberam precisar qual a contrapartida do Governo e da Prefeitura nesse montante. 

“É difícil precisar o número de negócios que acontecem dentro da Campus Party. Cada campuseiro tem um objetivo ali”, diz. A assessoria de imprensa, no entanto, informou que a partir de contatos iniciados na Campus Party realizada em São Paulo no início do ano surgiram cerca de 65 startups. E adianta que a edição pernambucana deve seguir o mesmo ritmo. 

PARCEIRA - Patrocinadora desde a primeira edição da Campus Party, em 1997, na Espanha, a Telefônica Vivo é a responsável por trazer uma novidade no que diz respeito à infraestrutura do evento. A empresa oferecerá uma capacidade de conexão de 10 Gbps por meio de uma rede dedicada de fibra óptica – o que representa o dobro oferecido em 2012. 

A outra novidade que a Vivo levará para os campuseiros será a possibilidade de utilização da rede 4G. Uma grande degustação para quem passar por lá. 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias