avaliação

Empresas têm entrado direto no Novo Mercado, diz Edemir

A expectativa, segundo o executivo, é de que essa tendência continue sendo mantida nas próximas companhias que decidam abrir capital

Ulysses Gadêlha
Ulysses Gadêlha
Publicado em 06/11/2013 às 13:58
Leitura:

O presidente da BM&FBovespa, Edemir Pinto, disse nesta quarta-feira (6) ao Broadcast, serviço de informações em tempo real da Agência Estado, que as novas empresas que estão ingressando na Bolsa já estão sendo listadas no Novo Mercado, ambiente de maior padrão de governança corporativa. A expectativa, segundo o executivo, é de que essa tendência continue sendo mantida nas próximas companhias que decidam abrir capital.

Edemir disse também que o ambiente do Novo Mercado fornece maior tranquilidade ao próprio investidor e hoje já é, reconhecidamente, um diferencial do Brasil em relação aos demais países dos Brics. "É um ambiente que dá maior segurança", disse, citando que a listagem no Novo Mercado é uma informação que as companhias colocam na bandeira ao realizarem roadshow com investidores. "Permite às empresas um acesso mais fácil ao capital e a um menor custo", completou o executivo.

O presidente da Bolsa citou também que outro diferencial do Novo Mercado no Brasil é que ele foi discutido e negociado pelas empresas. "Não foi nada imposto", lembrando que em outros países o tema é regido pela legislação. Edemir afirmou que bolsas de outros países procuram se informar sobre a experiência brasileira, o que demonstra a credibilidade desse ambiente.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias