Tributos

IPTU do Recife, de Olinda e Jaboatão ficará 5,84% mais caro em 2014

Reajuste acompanha inflação do País acumulada nos últimos 12 meses

Saulo Moreira
Saulo Moreira
Publicado em 07/11/2013 às 20:03
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Reajuste acompanha inflação do País acumulada nos últimos 12 meses - FOTO: Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Leitura:

No próximo ano, os carnês o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) do Recife, Jaboatão dos Guararapes e Olinda será 5,84% maior. O reajuste automático acompanha a variação da inflação do País no acumulado dos últimos 12 meses, contados até outubro passado.

O reajuste automático está previsto no Código Tributário Municipal das três principais cidades da Região Metropolitana. A última grande alta ocorreu em 2012, quando o aumento foi de 6,97%. Este ano, foram entregues 309.036 boletos de IPTU somente  no Recife.

Até outubro, segundo dados do Portal da Transparência do Recife, foram arrecadados R$ 245.890.220,75 do tributo – cerca de 98,75% da previsão oficial da Prefeitura, de R$ 249 milhões.

O IPTU dos três municípios teve o menor reajuste dos últimos 10 anos em 2007, quando foi de apenas 3,26%. Desde então, teve uma trajetória de altas, embora de forma não linear. Isso quer dizer que o índice sobe muito, depois sobe um pouco menos, em seguida dá um outro salto maior e assim sucessivamente, porém sem uma desaceleração significativa.

Últimas notícias