SEM ENERGIA

Projeto de irrigação fica sem energia em Santa Maria da Boa Vista

É o projeto Fulgêncio, implantado pela Chesf como compensação pela construção do Lago de Itaparica

Da Editoria de Economia
Da Editoria de Economia
Publicado em 09/08/2017 às 8:01
Foto: Bernardo Soares/Acervo JC Imagem
É o projeto Fulgêncio, implantado pela Chesf como compensação pela construção do Lago de Itaparica - FOTO: Foto: Bernardo Soares/Acervo JC Imagem
Leitura:

A energia foi cortada por falta de pagamento no projeto de irrigação Fulgêncio, no município de Santa Maria da Boa Vista, no Sertão do São Francisco. O projeto é um dos 10 reassentamentos implantados pela Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) como compensação pelo deslocamento de populações rurais da área do Lago da Usina de Itaparica, construído pela estatal que subsidiou a conta de energia desse assentamento até o final de 2014.

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) informou, via assessoria, que está em tratativas com os órgãos competentes para viabilizar o pagamento da conta de luz até hoje.

SOLUÇÃO

A Codevasf também comunicou que, além da Chesf, está em articulação com outros órgãos do governo federal, como o Ministérios da Integração Nacional e de Minas e Energia, sob a coordenação da Casa Civil, para discutir a situação dos projetos de irrigação do Sistema Itaparica.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias