Tecnologia

Usuário arrependido pode apagar mensagem no WhatsApp

Empresa liberou a nova função, mas é preciso atualizar o aplicativo

Da Editoria de Economia
Da Editoria de Economia
Publicado em 01/11/2017 às 12:22
Foto: Pixabay
Empresa liberou a nova função, mas é preciso atualizar o aplicativo - FOTO: Foto: Pixabay
Leitura:

Sabe aquela mensagem que você enviou pelo WhatsApp e no momento seguinte se arrependeu? A partir de agora os usuários do aplicativo poderão apagar os textos enviados. A empresa liberou essa função nesta terça-feira (31). Para utilizar o recurso, que vale tanto para conversas individuais ou em grupos, é preciso atualizar o App.

A novidade foi disponibilizada para celulares Android, iPhone e Windows Phone. O usuário precisa saber que o prazo máximo para mudar de ideia é de sete minutos. Depois desse tempo o recurso deixa de funcionar. A função serve para apagar textos, áudios, vídeos e fotos.

Outra orientação é se certificar se o destinatário da mensagem também está utilizando a versão atualizada do WhatsApp. O usuário precisa ficar atento porque quem recebe a mensagem vai saber que o conteúdo foi apagado, porque vai aparecer o texto Você apagou esta mensagem.

CRÍTICAS

Por esse motivo, a nova função tem sido criticada pelos usuários, que questionam porque o WhatsApp não criou a função omitindo que o conteúdo foi apagado. O destinatário que viu a mensagem ser apagada vai querer saber qual era o conteúdo.

Veja como apagar as mensagens:

1. Escolha a mensagem que quer apagar e selecione até surgirem as opções. No iPhone aparece “Apagar” e nos aparelhos Android aparece a lixeira. Clicando nela surgem as possibilidades de “Apagara para mim” e “Apagar para todos”.

2. Confirme a opção e o texto, áudio ou foto vai desaparecer

3. Para o destinatário vai aparecer que você apagou a mensagem

 

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias