Justiça Desportiva

TJPE decide não punir Belo Jardim

Time foi julgado por irregularidade de jogador na primeira fase do Pernambucano A2

Eduardo Azevedo
Eduardo Azevedo
Publicado em 04/10/2011 às 22:03
Leitura:

O Tribunal de Justiça Desportiva de Pernambuco (TJD-PE) decidiu, na noite desta terça-feira (04/10), por unanimidade não punir o Belo Jardim com a eliminação na Série A2 por escalação irregular de jogador na primeira fase do campeonato.

Na votação,os membros do Tribunal consideraram prescrito o prazo para contestação da primeira das cinco partidas em que o atleta atuou. O time perdeu 12 pontos e não os 15 que o eliminaria ? também pagará multa de R$ 1,5 mil. O Chã Grande, que poderia ser beneficiado, vai recorrer no STJD.

Na pauta da mesma sessão, o caso do suposto suborno ao meia do Náutico Eduardo Ramos foi mais uma vez adiado, pois o clube não havia sido oficialmente citado no processo.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias