Futebol Europeu

Suárez espera que não seja vendido pelo Liverpool

Clube consideraria a possibilidade de negociar o jogador uruguaio

Priscila Miranda
Priscila Miranda
Publicado em 19/03/2012 às 13:16
Leitura:

O atacante Luis Suárez disse que está confiante de que o Liverpool não vai negociá-lo na próxima janela de transferências apesar de ter se envolvido em um escândalo de racismo nesta temporada. O jogador uruguaio cumpriu suspensão de oito partidas depois ter sido considerado culpado por ter insultado racialmente Patrice Evra durante um duelo com o Manchester United.

Desde então, surgiram rumores de que Suárez desejava deixar Anfield Road, enquanto o clube consideraria a possibilidade de negociá-lo. "Eu falei com as pessoas no clube e eles sabem que eu quero ficar e que eu estou me divertindo e estou muito feliz aqui", disse Suárez ao site oficial do Liverpool nesta segunda-feira (19). "Ninguém no clube me disse que querem tentar me vender ou que eu vou sair".

Suárez foi contratado pelo Liverpool em janeiro de 2011 por 35 milhões de libras e assinou contrato por cinco anos e meio. No último domingo (18), o uruguaio fez um gol na vitória por 2 a 1 sobre o Stoke City, que classificou o time às semifinais da Copa da Inglaterra. "Eu vou continuar jogando meu futebol aqui no Liverpool. Há ainda alguns bons anos no meu contrato e eu quero continuar me divertindo porque eu e a minha família nos sentimentos realmente felizes aqui".

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias