investigações

Estônia indicia atletas por manipulação na Liga Europa

Oito dos acusados são jogadores de futebol que jogavam, na época, no Narva Trans e no Tallinna Kalev

Da Agência Estado
Da Agência Estado
Publicado em 02/12/2013 às 18:05
Leitura:

O Ministério Público da Estônia indiciou 11 pessoas acusadas de manipular resultados de partidas de final. No total, segundo o órgão estoniano, 17 jogos tiveram seus placares arranjados, a maioria deles no campeonato local. Três desses duelos, porém, teriam sido na Liga Europa, na temporada 2011/2012.

De acordo com o porta-voz do Ministério Público da Estônia, a manipulação de resultados envolveu times de três países: da própria Estônia, da Lituânia e da Ucrânia. Oito dos acusados são jogadores de futebol que jogavam, na época, no Narva Trans e no Tallinna Kalev. Todos foram suspensos preventivamente.

Poucas informações foram dadas com relação às investigações. O Ministério Público afirmou apenas que foram manipulados 17 jogos sendo 13 no Campeonato Estoniano e na Copa da Estônia, um jogo do Campeonato Lituano e três partidas da Liga Europa.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias