estadual

Primeira rodada do Campeonato Pernambucano ainda indefinida

FPF aguarda pronunciamento do TJD neste sábado sobre a tabela da competição

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 07/02/2014 às 23:14
Leitura:

No final da tarde desta sexta (7), o Tribunal de Justiça Desportiva de Pernambuco (TJD-PE) concedeu liminar favorável ao Náutico para restaurar a tabela original da competição. Mas o dia terminou com o presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), Evandro Carvalho, dando um pronunciamento às 22h25, após 4 horas de reunião – a entidade espera para este sábado um novo posicionamento do TJD-PE, após um pedido que a decisão seja “reconsiderada”. Assim, segue a indefinição às vésperas do início do Estadual.

A reportagem apurou que a FPF irá aguardar uma resposta positiva durante a manhã. Caso não consiga, Evandro Carvalho viaja para o Rio de Janeiro, onde tentará derrubar a liminar no Superior Tribunal de Justiça Desportiva. Com isso, voltaria a última versão da tabela, com Santa Cruz x Central e Salgueiro x Porto amanhã (as equipes estão de sobreaviso), e o clássico Sport x Náutico, na Arena, segunda-feira.

Tudo começou quando o presidente do TJD-PE, Hilton Galvão, concedeu a liminar pedida pelo Timbu de que fosse restaurada a tabela “original” do Estadual. O problema é que o texto da decisão falava da tabela “datada em 31 de janeiro de 2014”, o que foi um erro, já que esta se tratava de uma versão secundária. Assim, ao invés do Clássico dos Clássicos na segunda, na Arena, o duelo seria no domingo, na Ilha do Retiro.

Depois disso, o vice-jurídico alvirrubro, Gustavo Ventura, disse que houve um erro no documento e que ele seria retificado. Assim, seria utilizada a primeira tabela, divulgada em outubro de 2013, com jogos entre Salgueiro x Sport (Cornélio de Barros), Náutico x Central (Arena Pernambuco) e Santa Cruz x Porto (Arruda).

O problema é que esta tabela tem datas que se chocam com as quartas de finais da Copa do Nordeste. Sendo assim, a FPF, até então em silêncio, postou no seu twitter oficial que pediu ao TJD que reconsiderasse a decisão, além de dizer que, independentemente de ser atendida, teria rodada no final de semana.

Evandro Carvalho e o diretor de competições da FPF, Murilo Falcão, se fecharam em uma reunião na sede da entidade com representantes de Sport e Santa. Enquanto isso, em meio a tudo, o Sport se pronunciou dizendo que não aceitaria jogar domingo em Salgueiro. Já o Santa avisou que só aceitaria estrear em casa.

No final da noite, Evandro Carvalho fez o pronunciamento na sede da Federação aos jornalistas presentes. Mas não abriu espaço para perguntas.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias