Copa América

Lateral chileno pede apoio dos críticos por momento histórico

Mena ressaltou a possibilidade de o Chile ganhar a competição pela primeira vez

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 01/07/2015 às 18:55
Pablo Porciuncula/AFP
Mena ressaltou a possibilidade de o Chile ganhar a competição pela primeira vez - FOTO: Pablo Porciuncula/AFP
Leitura:

SANTIAGO - Enquanto se prepara para a final contra a Argentina, o lateral esquerdo do Chile, Eugenio Mena, aposta na união do elenco chileno para conseguir a conquista inédita da Copa América. O jogador fez um apelo aos críticos da seleção, pedindo para darem suporte aos atletas em um momento histórico.

"Mais do que nunca precisamos estar unidos. Ao invés de nos criticar, deveriam nos apoiar incondicionalmente. É algo extremo para nós. Nem sempre se joga uma final e agora, mais do que nunca, estamos muito unidos para seguir adiante com esta tarefa e, de uma vez por todas, conquistar uma Copa em casa", declarou o jogador.

Mesmo ciente que a Argentina será uma adversária difícil de se vencer, o lateral afirma não sentir medo da equipe rival."Não temos medo. Faremos o que fizemos sempre: jogaremos de igual pra igual com quem quer que seja",  disse.

Apesar da rivalidade acirrada na reta final da Copa América, o jogador do Cruzeiro alertou sobre o equívoco de se tratar o jogo de futebol como “uma guerra”. "Não se trata de uma guerra, é um jogo em que vamos dar o máximo. Temos que tirar uma lição disso", finalizou.


O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias