Decisão

Justiça do Rio determina clássicos com torcida única

Iniciativa foi tomada depois que um torcedor morreu após confronto de organizadas antes de Botafogo x Flamengo, no domingo passado (12)

Luana Ponsoni
Luana Ponsoni
Publicado em 17/02/2017 às 17:46
Arnaldo Paiva/Estadão Conteúdo
Iniciativa foi tomada depois que um torcedor morreu após confronto de organizadas antes de Botafogo x Flamengo, no domingo passado (12) - FOTO: Arnaldo Paiva/Estadão Conteúdo
Leitura:

A Justiça do Rio determinou nesta sexta-feira (17) que os clássicos do Campeonato Carioca acontecerão com torcida única. Dessa forma, só poderão comparecer ao estádio os torcedores da equipe mandante, sendo vetada a presença dos que pretendem embalar o time visitante. A decisão foi tomada depois da morte de um botafoguense no clássico de domingo passado (12), contra o Flamengo, nos arredores do estádio do Engenhão.

“A necessidade de imposição de proibição de torcidas rivais é a única forma de garantir a proteção que o Estatuto do Torcedor confere em seu artigo 13”, considerou o juiz Guilherme Schilling Pollo Duarte, citando o trecho que diz que “o torcedor tem direito à segurança nos locais onde são realizados os eventos esportivos, antes, durante e após a realização de partidas”. 

PUNIÇÃO

Se descumprirem a determinação, Flamengo, Fluminense, Botafogo e Vasco ficarão sujeitos a uma multa diária de R$ 30 mil. A punição também é estendida à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e à Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj).

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias