Amistoso

Barcelona Legends fará de tudo para ter Rivaldo na Arena de Pernambuco

Barça Legends virá a Pernambuco no mês de abril do ano que vem

Vinícius Barros
Vinícius Barros
Publicado em 17/12/2017 às 11:33
JC Imagem
Barça Legends virá a Pernambuco no mês de abril do ano que vem - FOTO: JC Imagem
Leitura:

Após o anúncio da partida entre o Barcelona Legends e a Seleção Pernambucana Legends, equipes formadas por atletas do passado, para abril de 2018, na Arena de Pernambuco, a expectativa passou a ser sobre quem estaria dentro de campo por cada time. Nascido em Paulista, no Grande Recife, o meia Rivaldo, pentacampeão pela seleção brasileira, é um dos nomes mais esperados para o jogo, por também ter feito história no clube catalão, onde jogou entre 1997 e 2002. No que depender do empresário e organizador do evento, Márcio Flores, a presença está bem encaminhada. "O Rivaldo é um nome que a gente espera muito. Se ele não vier, vou buscá-lo na casa dele", brincou em entrevista para a TV JC.

Em contato recente com o ex-atleta, Márcio disse que Rivaldo ficou honrado com o convite. A intenção, segundo o empresário, é de que ele defenda as duas equipes, sendo 45 minutos em cada uma. O craque, inclusive, marcou presença em apresentações recentes da equipe lendária. Na derrota por 3x1, em junho, contra os ex-jogadores do Manchester United, o pernambucano dividiu o meio de campo com outro ícone: Ronaldinho Gaúcho. Já no mês passado, como camisa 10, ele atuou em Moçambique contra um combinado de atletas locais, chamado de "Mamba Legends". O jogo terminou 1x0 para o Barça.

Caso venha, Rivaldo tem tudo para ser bastante festejado pelo torcedor pernambucano, que viu o ex-jogador do Barcelona e da seleção brasileira pela última vez há aproximadamente seis anos. Em 2011, o meia veio com o São Paulo para o Recife disputar jogo contra o Santa Cruz, pela Copa do Brasil. Os corais venceram por 1x0. A diferença é que agora o melhor jogador do mundo de 1999 está aposentado e viria apenas pela exibição e festa.

FORÇA DO ESTADO

Motivado com o fato do evento ser realizado no Estado, Márcio Flores aposta na força local para construir aqui um 'case de sucesso’. "Esse jogo tem todo o potencial para mostrar uma região tão próspera quanto o Nordeste, Pernambuco especificamente. Acredito muito no Estado com entretenimento, esporte, eventos internacionais e acho que esse jogo é uma porta de abertura para esse mundo", argumenta.

A relação entre a cidade de Barcelona e a capital pernambucana também foi decisiva para fazer do Recife a primeira sede a receber a equipe no Brasil. "Quem nasceu em Barcelona, tem o mesmo sentimento de pertencimento de quem nasce aqui, o recifense tem muito isso", compara.

Apesar das lendas só desembarcarem no Recife em abril, algumas ações de marketing serão vistas na cidade nos meses que antecedem a partida. De acordo com Márcio Flores, campanhas na praia e shoppings devem aproximar o torcedor dos craques. "Conforme a escalação do time for acontecendo, a gente vai colocar as camisas deles em manequins expostos em um shopping do Recife. Quando os jogadores chegarem, eles vão autografar essas camisas", comenta. A mesma ação será feita para anunciar os atletas que jogarão na Seleção de Pernambuco.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias