Série D

Central, Belo Jardim e Flamengo de Arcoverde estreiam na Série D

Representantes de Pernambuco na Série D iniciam a disputa do torneio sonhando em conquistar um acesso para a terceira divisão e garantir um calendário melhor em 2019

Heitor Nery
Heitor Nery
Publicado em 22/04/2018 às 9:57
Alexandre Gondim/JC Imagem
Representantes de Pernambuco na Série D iniciam a disputa do torneio sonhando em conquistar um acesso para a terceira divisão e garantir um calendário melhor em 2019 - FOTO: Alexandre Gondim/JC Imagem
Leitura:

A disputa da Série D terá início neste domingo para o futebol de Pernambuco. O Estado será representado por três equipes que lutam por um sonhado acesso para a Série C do Campeonato Brasileiro: o Central, clube que conquistou o vice-campeonato do certame local em 2018, Flamengo de Arcoverde e Belo Jardim.

Por conta da boa campanha no torneio estadual, a Patativa entra na Série D com uma alta expectativa. O discurso dentro da equipe de Caruaru é estar entre as quatro equipes que buscam o acesso para a Terceira Divisão. Para isso, os alvinegros garantiram a renovação do técnico Mauro Fernandes e mantiveram a base do grupo que ficou na segunda colocação do Pernambucano. O clube também acertou com quatro reforços para a competição: o goleiro Elias, o meia-atacante Yuri, o meia Washington e o atacante Grafite, que disputou o Campeonato Pernambucano pelo Pesqueira. Os dois últimos já estão regularizados e são opções para a estreia contra a Jacuipense, fora de casa.

“A gente manteve uma base para que a equipe pudesse manter um bom nível do conjunto que adquiriu durante a disputa do Pernambucano. A gente espera largar bem na competição, continuando essa pegada que a gente vem tendo desde o Pernambucano e não deixar essa chama do torcedor apagar. E isso é algo que depende apenas dos nossos resultados. Vamos para esse jogo muito concentrados para estrear bem na competição e conquistar os três pontos”, declarou o técnico Mauro Fernandes.

Integrante do Grupo A7, o Central terá alguns adversários duros já na primeira fase da competição. Além da Jacuipense, equipe que terminou na sexta colocação do Campeonato Baiano, a Patativa também irá enfrentar o Sergipe, equipe que conquistou título do sergipano, e o ASA, equipe que disputou a Série C em 2017 e que chegou na semifinal do Alagoano.

Estreantes na Série D

Estreantes na Série D, Belo Jardim e Flamengo de Arcoverde encaram o torneio como uma chance de garantir um calendário cheio para 2019. As duas equipes não conseguiram se classificar para a Série D do ano que vem pelo campeonato estadual, com a Série C sendo a única oportunidade para garantir uma competição no segundo semestre.

Localizado no Grupo A6, o Belo Jardim, rebaixado no Estadual, terá como adversários o tradicional América-RN, o Imperatriz-MA e o Guarani de Juazeiro, contra quem fará sua estreia, às 16h, no Ceará. O clube contratou o experiente Pedro Manta para comandar o Calango na competição e fez parcerias com alguns clubes pernambucanos para trazer seus reforços. O clube que mais cedeu jogadores para a equipe de Belo Jardim foi o Afogados, clube que ficou na 8ª colocação do estadual.

Já no Grupo A8, o Flamengo de Arcoverde, que se manteve Primeira Divisão do Pernambucano na última rodada, irá lutar pela classificação contra o Campinense, Fluminense de Feira-BA e Murici-AL. Comandados pelo chileno Javier Diáz, o Tigre conta a base que disputou o pernambucano e com atletas emprestados pelo Porto de Caruaru. A equipe estreia em casa, às 16h, contra o Murici-AL

Últimas notícias