Vinicius Junior

Real Madrid tem pedido aceito e pode relacionar Vinicius Junior contra Barcelona

Atacante brasileiro tem recebido poucas oportunidades na equipe principal do Real Madrid

Fernando Marinho
Fernando Marinho
Publicado em 26/10/2018 às 15:47
Divulgação
Atacante brasileiro tem recebido poucas oportunidades na equipe principal do Real Madrid - FOTO: Divulgação
Leitura:

O Real Madrid poderá contar com o atacante Vinicius Junior no clássico contra o Barcelona, neste domingo, no estádio Camp Nou, em Barcelona, pela 10.ª rodada do Campeonato Espanhol. Nesta sexta-feira, o Comitê de Apelação da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF, na sigla em espanhol) acatou o apelo do clube merengue e anulou um dos cartões amarelos que levaram à expulsão do brasileiro no jogo do Real Madrid Castilla (time B) contra o Celta B, no último domingo, pela terceira divisão do Campeonato Espanhol.

O Comitê de Apelação tinha suspendido Vinícius Júnior por uma partida. No último final de semana, o brasileiro levou um cartão amarelo por encarar um jogador rival e, aos 42 minutos do segundo tempo, recebeu o segundo, causando a sua expulsão, por ter tentado simular uma falta.

Durante a semana, o Real Madrid discordou das aplicações e apelou ao Comitê, que aceitou o pedido nesta sexta-feira. Desta forma, Vinícius Junior fica à disposição do técnico Julen Lopetegui para o clássico. Caso não seja convocado, o jogador de 18 anos vai poder jogar pelo Real Madrid Castilla contra o Fuenlabrada, neste sábado.

REAL B

Com poucas oportunidades recebidas na equipe principal, o jovem atacante brasileiro está jogando na equipe B do Real Madrid. Contra o Celta B, Vinicius Junior foi o destaque da partida. O brasileiro marcou o único gol do Real Madrid Castilla - em cobrança de falta. Pouco aproveitado na equipe principal, em cinco partidas pelo time B marcou quatro gols e deu uma assistência.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias