aflitos

Náutico se movimenta rapidamente e anuncia Jorginho como técnico

Anúncio ocorreu menos de 2 horas depois da demissão do técnico Zé Teodoro, em Criciúma

Rafael Carvalheira
Rafael Carvalheira
Publicado em 15/08/2013 às 0:05
Anúncio ocorreu menos de 2 horas depois da demissão do técnico Zé Teodoro, em Criciúma
Leitura:

Menos de 2 horas depois de demitir o técnico Zé Teodoro, após a derrota por 3x0 para o Cricúma na noite desta quarta-feira (14), o Náutico anunciou a contratação de Jorginho, ex-Bahia, para tentar salvar o time do rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro. A confirmação veio do presidente Paulo Wanderley, no início desta quinta-feira (15), em entrevista ao repórter Leonardo Bóris, na Rádio Jornal.

De acordo com o dirigente alvirrubro, o novo treinador desembarca no Recife no final da tarde desta quinta-feira e já comanda o time no banco de reservas contra o Fluminense, próximo sábado, na Arena Pernambuco, na 13ª partida no Brasileirão. No momento, o Timbu ocupa a lanterna da competição, com oito pontos conquistados.

Jorge Luís Silva está com 48 anos e foi assediado pelo clube em outras duas oportunidades, mas não fechou contrato. Ele dirigiu o Bahia até o dia 7 de abril, saindo antes do término do Campeonato Baiano, após derrota por 7x1 para o Vitória. Também passou por Palmeiras, Goiás, Ponte Preta e Atlético-PR. Nos Aflitos, assinou contrato a princípio até o final desta temporada.

Jorginho tem como grande trabalho na carreira até o momento o acesso da Portuguesa para a Série A em 2011. Naquela temporada, o time sobrou e conquistou a vaga para a elite nacional e o título da Série B com várias rodadas de antecipação, com um futebol bastante ofensivo. O próprio Náutico e o Sport também subiram juntos naquele ano.

Como o anúncio se deu logo depois da demissão de Zé Teodoro, o presidente timbu se preocupou em esclarecer a situação. "Nossa intenção era só anunciar amanhã (quinta) para não parecer que já estávamos com tudo acertado. Quero deixar claro que isso não aconteceu, até porque Jorginho não aceitaria conversar conosco caso Zé Teodoro ainda fosse o treinador", comentou o mandatário.

Jorginho será o terceiro treinador do Náutico na Série A, o quinto no ano. A temporada começou com Alexandre Gallo, que saiu no final de janeiro para comandar as seleções de base do Brasil. Depois, veio Vágner Mancini, que não resistiu aos resultados ruins no Campeonato Pernambucano. No seu lugar, assumiu Paulo Silas, que caiu no início da Série A. Por fim, veio Zé Teodoro, demitido esta quarta.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias