BATE-PAPO

Náutico: após derrota no clássico, Dado tem longa conversa com elenco

Na reapresentação do Timbu, o treinador se reuniu por 40 minutos com o elenco alvirrubro

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 06/02/2017 às 18:49
Foto: JC Imagem
Na reapresentação do Timbu, o treinador se reuniu por 40 minutos com o elenco alvirrubro - FOTO: Foto: JC Imagem
Leitura:

A primeira derrota do Náutico na temporada 2017 (contra o Santa Cruz, no último sábado) teve uma atenção especial por parte do técnico Dado Cavalcanti. Na reapresentação do elenco alvirrubro, na tarde desta segunda-feira, no CT Wilson Campos, no bairro da Guabiraba, o treinador teve uma longa conversa com o grupo que durou em torno de 40 minutos. A imprensa não pode registrar esse momento (nem em vídeo e nem em fotos), mas deu para perceber que se tratava de um bate-papo de ajustes e cobranças pelo que o time não apresentou no Clássico das Emoções.

"Foi uma conversa entre nós. Dado sempre faz isso e procura dialogar com os jogadores", desconversou Joazi. Apesar das poucas palavras do jovem lateral, com o meia Marco Antônio não teve arrodeios. "Depois de uma derrota como foi a do clássico, era preciso conversar para acertar os erros e procurar tirar lições da derrota que tivemos. Foi uma conversa benéfica", contou o camisa 10.

À DISPOSIÇÃO

Totalmente recuperado da lesão muscular na coxa direita, Marco ainda não está 100% fisicamente, mas se for acionado por Dado Cavalcanti para inicar a partida contra o Salgueiro, quarta-feira, às 20h30, na Arena de Pernambuco, pelo Campeonato Pernambucano, o meia garante que vai se doar ao máximo para ajudar o Timbu. "Estou aprimorando a minha parte física, mas se ele (Dado Cavalcanti) quiser contar comigo desde o começo vou dar o meu máximo", falou.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias