NOVA GESTÃO

Novo vice de futebol do Náutico fala em gestão ''pés no chão''

Emerson Barbosa explica que a primeira medida a ser tomada será pagar os atrasados

Thiago Wagner
Thiago Wagner
Publicado em 28/04/2017 às 16:49
Foto: JC Imagem
Emerson Barbosa explica que a primeira medida a ser tomada será pagar os atrasados - FOTO: Foto: JC Imagem
Leitura:

Novo vice de futebol do Náutico, Emerson Barbosa fala em uma gestão mais equilibrada, com os pés no chão. Segundo ele, a ideia é restabelecer a harmonia do clube após os problemas de salários atrasados, que acabaram com a paralisação das atividades nessa quinta-feira, no centro de treinamento.


“Todos sabem do desafio de encarar um clube no momento desses, mas temos que estar preparado para assumir o Náutico. A missão é restabelecer a harmonia do clube. Precisamos trazer a tranquilidade volta”, disse Barbosa ao repórter João Victor, da Rádio Jornal.


Sobre a direção de futebol, Emerson pontuou que já fez convite para algumas pessoas, mas que ainda não fechou a direção. Nesta sexta-feira, haverá reunião com os nomes chamados para adiantar o novo grupo. “Estamos chamando algumas pessoas com serviços prestados ao clube. Em breve vamos anunciar a diretoria”, afirmou. Sabe-se que os convites foram feitos para Sérgio Lins, Zeca Cavalcanti e Diógenes Braga, sendo que este último preferiu declinar do convite por conta das tarefas com a comissão paritária de reforma dos Aflitos.

RECURSOS


Sobre os meios para tirar o Náutico da crise financeira com o elenco, Barbosa afirma que procurará algumas antecipações com patrocinadores. “Vamos tentar alguns colaboradores para equalizar a situação financeira. Desafio é muito grande, mas cabe a gente buscar recursos”, declarou.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias