vôeli

Brasil estreia contra EUA no Grand Prix

Histórico de duelos entre as seleções gera clima de rivalidade e empolgação para confronto

Miguel Rios
Miguel Rios
Publicado em 26/08/2013 às 20:13
Leitura:

Brasil e Estados Unidos duelam pela primeira rodada da fase final do Grand Prix de Vôlei, na madrugada desta quarta-feira, a partir das 3h30 (horário de Brasília), em Sapporo, no Japão. As seleções vêm de um passado que revela determinada rivalidade, pois se enfrentaram nas finais dos dois últimos Jogos Olímpicos. Nas duas oportunidades, a vitória foi brasileira.

Na fase final do Grand Prix, as seis seleções classificadas se enfrentam entre si até domingo, quando será definido o campeão, que será o time que somar mais pontos nos cinco jogos. Além da estreia contra os Estados Unidos, o Brasil jogará, pela ordem, diante de Japão, Itália, Sérvia e China. 

Para o Brasil, atual bicampeão olímpico, será a chance de ampliar o recorde de títulos na história do Grand Prix já tem oito conquistas. Nas últimas três edições do torneio, a seleção brasileira ficou com o vice-campeonato, sempre atrás dos Estados Unidos. 

Consciente da importância do primeiro jogo na fase final e do grau de dificuldade que encontrará diante das americanas, o técnico do Brasil, José Roberto Guimarães, apontou a eficiência na defesa como a chave para seu time sair com a vitória amanhã. 

“Já nos enfrentamos uma vez nesta temporada. Os dois times se conhecem muito bem. Será um jogo de grande volume. O grupo que tiver um melhor posicionamento no sistema defensivo levará vantagem”, afirmou Zé Roberto.

Vale lembrar que, na primeira rodada da fase de classificação do Grand Prix, o Brasil bateu os Estados Unidos por 3 sets a 1, em Campinas, no interior de São Paulo. 

Leia mais na edição desta terça-feira (27/08) do Jornal do Commercio.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias