Grande Prêmio

Hamilton lidera o segundo treino livre do GP da China

Britânico completou a volta mais rápida com o tempo de 1 minuto, 37 segundos e 219 milésimos

Da AFP
Da AFP
Publicado em 10/04/2015 às 7:07
Foto: AFP
Britânico completou a volta mais rápida com o tempo de 1 minuto, 37 segundos e 219 milésimos - FOTO: Foto: AFP
Leitura:

O piloto britânico Lewis Hamilton (Mercedes) foi o mais rápido na segunda sessão de treinos livres do Grande Prêmio da China de Fórmula 1, esta sexta-feira no circuito de Xangai.

Hamilton completou a volta mais rápida com o tempo de 1 minuto, 37 segundos e 219 milésimos. O finlandês Kimi Raikkonen (Ferrari) foi o segundo mais rápido e o australiano Daniel Ricciardo (Red Bull) o terceiro. 

Os brasileiros não foram muito bem no segundo treino livre: Felipe Nasr (Sauber) foi o oitavo e Felipe Massa (Williams) apenas o 17º.

-- Resultado da 2ª sessão de treinos livres do GP da China:

1. Lewis Hamilton (GBR/Mercedes) 1:37.219

(velocidade média: 201,849 km/h)

2. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari) 1:37.662

3. Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull-Renault) 1:38.311

4. Sebastian Vettel (ALE/Ferrari) 1:38.339

5. Nico Rosberg (ALE/Mercedes) 1:38.399

6. Daniil Kvyat (RUS/Red Bull-Renault) 1:38.737

7. Valtteri Bottas (FIN/Williams-Mercedes) 1:38.850

8. Felipe Nasr (BRA/Sauber-Ferrari) 1:39.032

9. Romain Grosjean (FRA/Lotus-Mercedes) 1:39.142

10. Jenson Button (GBR/McLaren-Honda) 1:39.275

11. Pastor Maldonado (VEN/Lotus-Mercedes) 1:39.444

12. Fernando Alonso (ESP/McLaren-Honda) 1:39.743

13. Marcus Ericsson (SUE/Sauber-Ferrari) 1:39.751

14. Max Verstappen (HOL/Toro Rosso-Renault) 1:39.894

15. Carlos Sainz Jr (ESP/Toro Rosso-Renault) 1:39.971

16. Nico Hülkenberg (ALE/Force India-Mercedes) 1:40.151

17. Felipe Massa (BRA/Williams-Mercedes) 1:40.423

18. Sergio Pérez (MEX/Force India-Mercedes) 1:40.868

19. Roberto Merhi (ESP/Marussia-Ferrari) 1:42.973

20. Will Stevens (GBR/Marussia-Ferrari) 1:44.564

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias