Ginásio

Geraldão será entregue no primeiro semestre de 2016

Informação foi confirmada pelo prefeito do Recife, Geraldo Júlio, em vistoria ao ginásio, nesta sexta (5)

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 05/06/2015 às 11:19
Arquivo/JC Imagem
Informação foi confirmada pelo prefeito do Recife, Geraldo Júlio, em vistoria ao ginásio, nesta sexta (5) - FOTO: Arquivo/JC Imagem
Leitura:

Em obras desde agosto de 2013, o Ginásio de Esportes Geraldo Magalhães, mais conhecido como Geraldão, no bairro da Imbiribeira, Zona Sul do Recife, só ficará pronto no primeiro semestre de 2016. O prazo foi repassado pelo prefeiro da cidade, Geraldo Júlio, em vistoria realizada no centro poliesportivo, na manhã desta sexta-feira (4).

"O Geraldão sempre foi marcado por grandes eventos. É um equipamento público, que serve aos pernambucanos. A partir do primeiro semestre de 2016, voltaremos a ter jogos da Seleção Brasileira de futsal, de basquete, handebol e vôlei por aqui. Depois de 35 anos da construção, vamos entregar um ginásio totalmente requalificado, que vai voltar a dar orgulho ao povo do Recife", afirmou o prefeito Geraldo Júlio.

A obra de modernização do ginásio, inaugurado em 1970, está com 42% dos trabalhos concluídos. O orçamento total foi de R$ 45 milhões, sendo R$ 20 milhões do Governo Federal. O projeto conta com recuperação estrutural, acessibilidade, climatização e adequação da quadra poliesportiva aos padrões internacionais. 

O Geraldão, que terá capacidade para 10 mil pessoas, ganhará também alojamento com capacidade para 160 atletas, oito camarotes, tribuna de honra, sala de imprensa, restaurante e estacionamento, com 750 vagas disponíveis. Por fim, também será instalado um placar eletrônico.

O parque aquático do ginásio, por sinal, ficará pronto mais cedo. De acordo com Geraldo Júlio, a expectativa é que esta parte da obra seja entregue em agosto de 2014. No projeto, o local receberá uma piscina semiolímpica (25m), além da recuperação da piscina atual.


O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias