Tênis

Venus Williams faz história no Aberto da Austrália

Aos 36 anos, norte-americana é a tenista mais velha a chegar às semifinais do torneio

JC Online
JC Online
Publicado em 24/01/2017 às 15:23
Divulgação
Aos 36 anos, norte-americana é a tenista mais velha a chegar às semifinais do torneio - FOTO: Divulgação
Leitura:

Aos 36 anos, Venus Williams se tornou nesta terça-feira (24) a mais velha jogadora da Era Aberta do tênis, iniciada em 1968, a conquistar uma vaga nas semifinais do Aberto da Austrália. A veterana norte-americana obteve o feito histórico ao vencer a russa Anastasia Pavlyuchenkova por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/6 (7/3), em Melbourne.

Na condição de 13ª cabeça de chave deste Grand Slam, Venus não alcançava o duelo que vale vaga na decisão desta competição desde 2003, quando foi à final e acabou sendo superada na disputa pelo título pela sua irmã mais nova, Serena Williams.

Essa também foi a 50ª vitória de Venus no Grand Slam realizado em Melbourne, onde enfrenta o tabu de nunca ter sido campeã e de só ter chegado à final em 2003. E, para voltar a ter chance de jogar a decisão após 14 anos, a norte-americana terá de superar a surpreendente compatriota CoCo Vandeweghe, que no outro jogo da chave feminina de simples disputado nesta terça-feira surpreendeu a espanhola Garbiñe Muguruza, sétima cabeça de chave, com uma vitória por 2 sets a 0, sendo que chegou a aplicar um "pneu" sobre a adversária ao ganhar com parciais de 6/4 e 6/0. 

Ao comentar seu histórico avanço às semifinais, Venus mostrou não estar satisfeita com o que já conquistou. "Eu quero ir mais longe. Não estou feliz apenas com isso, mas estou muito feliz por estar em posição para ir mais longe", ressaltou.


O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias