F-1

Hamilton ignora 'Paradise Papers' e está 'concentrado' no GP do Brasil

Hamilton já conquistou o título da Fórmula 1 desta temporada

AFP
AFP
Publicado em 09/11/2017 às 13:21
Foto: Divulgação
Hamilton já conquistou o título da Fórmula 1 desta temporada - FOTO: Foto: Divulgação
Leitura:

O piloto britânico Lewis Hamilton, tetracampeão do mundo de Fórmula 1, declarou nesta quarta-feira estar "concentrado" exclusivamente no Grande Prêmio do Brasil, neste domingo em Interlagos, e não no escândalo dos 'Paradise Papers', no qual viu seu nome ser citado.

"Eu pedi a publicação de um comunicado a respeito e não tenho mais o que falar sobre isso", declarou Hamilton em coletiva de imprensa organizada por um patrocinador em São Paulo, a pouco dias do penúltimo GP da temporada."O mais importante é que acabei de passar por bons momentos com minha família e meus amigos e tenho essa enorme onda de energia positiva que ninguém pode quebrar", declarou o piloto, que já garantiu o título mundial da temporada.

Hamilton chegou ao Brasil em plena polêmica dos 'Paradise Papers', nome dado à investigação realizada pelo Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICIJ) que publicou milhões de documentos sobre práticas fiscais secretas de celebridades e políticos do mundo todo.

ACUSAÇÃO

O britânico é acusado de usar uma empresa de fachada na Ilha de Man para economizar mais de 4 milhões de euros em impostos na compra de um jatinho privado de mais de 18 milhões de euros.

Representantes do piloto, considerado pela revista Forbes como o 10º atleta mais bem pago do mundo, afirmaram à imprensa britânica que todas as operações financeiras realizadas foram legais."Isso não me desvia dos meus valores fundamentais e do que estou fazendo aqui, estou exclusivamente concentrado nesta corrida, que quero ganhar neste fim de semana pela segunda vez em dez anos", completou o piloto da Mercedes.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias