SANTA CRUZ

Sem lugar para erros

Corais encaram o CSA precisando vencer para encaminhar vaga à segunda fase da Copa NE

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 29/01/2014 às 19:50
Leitura:

O Santa Cruz não pode errar nesta quinta-feira, às 19h15 (do Recife), no estádio Rei Pelé, em Maceió, em jogo da quarta rodada do Grupo B da Copa do Nordeste. No primeiro confronto, sábado passado, no Luiz Lacerda, em Caruaru, o time alagoano venceu por 1x0 e assumiu a liderança isolada da chave, com sete pontos. O tricolor soma quatro e precisa vencer a todo custo para não ficar em situação delicada na busca por uma vaga na segunda fase da competição.

Por isso, o técnico Vica fugiu ao hábito e decidiu não antecipar a escalação do time, especialmente porque o atacante Leo Gamalho, com dores na panturrilha esquerda, está fora da partida, uma recomendação do Departamento Médico. O mais cotado para assumir o comando do ataque é Cassiano.

“Não estou poupando Leo Gamalho. Ele não vai para o jogo porque os médicos recomendaram não utilizar o atleta, pois teve uma leve lesão. Caso o jogador tivesse apenas com dores, poderia levá-lo para a partida”, explicou Vica.

No meio de campo, o comandante tricolor também tem uma dúvida entre os meias Raul e Carlos Alberto. O primeiro não participou de um dos treinos devido a um cansaço muscular, mas deve ser mantido na equipe.

A respeito da decisão de não divulgar a formação do time, Vica foi muito objetivo após o treinamento, nesta quarta-feira, pela manhã, no Arruda. “É uma forma também de confundir o adversário. Na verdade, eles nos conhecem, sabem a nossa forma de atuar, como a gente também sabe quais as características deles”, disse.

Vica ainda acrescentou: “No primeiro jogo, apesar da derrota, a gente teve condições até de vencer, mas perdemos algumas oportunidades. Não podemos errar nesse jogo no Rei Pelé.”

CSA

A diretoria do CSA recebeu com surpresa a suspensão imposta ao clube de todas as competições promovidas pela CBF, no fim da tarde desta quarta, imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), devido a uma multa de R$ 500 que não teria sido paga ao Tribunal. O vice-presidente jurídico do clube Walmar Peixoto garantiu em nota oficial que a partida diante do Santa Cruz será realizada e que o débito foi pago, além de que o recibo será enviado novamente ao STJD.

No campo, o técnico Oliveira Canindé praticamente definiu o time, que pode garantir a sua classificação em caso de outra vitória sobre o tricolor. No coletivo desta quarta, ele promoveu uma mudança. No meio, Cassiano ocupou a vaga de Uéderson, que só entrou no segundo tempo do apronto. O restante do time é o mesmo da primeira partida.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias