Estrangeiros

Santa Cruz: de 1998 a 2017, a 'invasão gringa' no Arruda

Ao todo, 13 estrangeiros passaram pelo Tricolor do Arruda nos últimos 20 anos

Diego Toscano
Diego Toscano
Publicado em 17/02/2017 às 6:15
Rodrigo Baltar/Santa Cruz
Ao todo, 13 estrangeiros passaram pelo Tricolor do Arruda nos últimos 20 anos - FOTO: Rodrigo Baltar/Santa Cruz
Leitura:

Desde 1999 o Santa Cruz não tem uma invasão gringa tão grande no elenco. Na temporada, com a chegada do uruguaio Federico Gino, o Tricolor do Arruda terá três estrangeiros no plantel. Além do volante, os argentinos Gabriel Vallés e Facundo Parra são os “forasteiros” da Cobra Coral em 2017. Ao todo, 13 atletas de fora do Brasil passaram pelo clube pernambucano nos últimos 20 anos.

O primeiro da série foi o armador argentino Ariel, em 1998. Na temporada seguinte, quatro estrangeiros passaram pelo Arruda: os hermanos Almandóz (zagueiro) e Mancuso (volante), o hondurenho Reyes (meia) e o uruguaio Cláudio Milar (atacante). O meia japonês Koichi Hashimoto (2002), o atacante angolano Jonhson (2007) e o volante argentino Fabián Coronel (2013), além do meia hermano Pisano e do equatoriano Alex Bolaño, no ano passado, fecham a lista de gringos antes de 2017.

Gabriel, apesar de estar desde setembro no Santa, ainda não jogou uma partida oficial pelo clube. Em 2016, por problemas na documentação, Vallés não conseguiu ser inscrito no Brasileirão. Agora, é o reserva imediato do capitão Vítor na lateral direita. Já Facundo chegou há menos de uma semana e ainda não foi apresentado ou regularizado, assim como o uruguaio Federico Gino, que só vem para o Recife na próxima semana.

"É importante ver novas portas do mercado se abrindo no continente. Fico feliz de ter mais amigos que falam espanhol aqui no Santa. Agora, o mais importante é o clube. Seja estrangeiro ou brasileiro, tem que saber jogar futebol. Estamos trabalhando muito para conseguir ajudar a equipe”, afirmou o lateral Gabriel Vallés.

OS GRINGOS NO ARRUDA

*Últimos 20 anos

1998 - Ariel (meia, ARG)

1999 - Héctor Almandóz (zagueiro, ARG), Alejandro Mancuso (volante, ARG), Mario Reyes (meia, HON) e Cláudio Millar (atacante, URU)

2002 - Koichi Hashimoto (meia, JAP)

2007 - Johnson Macaba (atacante, ANG)

2013 - Fabián Coronel (volante, ARG)

2016 - Alex Bolaño (volante, EQU) e (Matías Pisano (meia, ARG)

2017 - Gabriel Vallés (lateral, ARG), Federico Gino (volante, URU) e Facundo Parra (atacante, ARG)

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias