eleições santa cruz

Sócia vota em meio a gritaria de chapas concorrentes no Santa Cruz

Torcedora do Santa Cruz foi acusada de se associar ao clube um dia antes da eleição, o que não é permitido pela regra da votação. Houve gritaria e ela deixou seu voto na urna

Wladmir Paulino
Wladmir Paulino
Publicado em 05/12/2017 às 16:49
Reprodução/Twitter
Torcedora do Santa Cruz foi acusada de se associar ao clube um dia antes da eleição, o que não é permitido pela regra da votação. Houve gritaria e ela deixou seu voto na urna - FOTO: Reprodução/Twitter
Leitura:

O movimento diminuiu um pouco na eleição do Santa Cruz no meio da tarde desta terça-feira, mas o clima continuou tenso na sede social do Arruda. Os integrantes da chapa Muda Santa Cruz não se conformaram com o voto de uma sócia, alegando que ela só havia se associado ao clube na segunda-feira (4), véspera da eleição. Portanto, a torcedora não teria condições legais de votar. Ao lado de outros membros do grupo de Constantino Júnior, muita gente cercou a mulher, que chegou a gritar.

REGRAS

De acordo com as regras da eleição, do estatuto do clube, só podem votar os sócios que entrarem no quadro do clube há, no mínimo, um ano.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias