Objetivo

Após empate, Leandro Salino foca em classificação do Santa Cruz

Mesmo com tropeço dentro de casa, Salino acredita que time conseguiu ditar ritmo da partida

Vinícius Barros
Vinícius Barros
Publicado em 26/02/2018 às 9:57
Foto: Santa Cruz/Divulgação
Mesmo com tropeço dentro de casa, Salino acredita que time conseguiu ditar ritmo da partida - FOTO: Foto: Santa Cruz/Divulgação
Leitura:

O empate do Santa Cruz em 0x0 diante do Pesqueira na tarde deste domingo no estádio do Arruda foi motivo de dor de cabeça para os tricolores. O resultado deixou a equipe na sétima posição, com oito pontos e apenas uma vitória em sete jogos. Estreante na partida, o volante Leandro Salino entrou aos 24 minutos do segundo tempo no lugar de Daniel Sobralense e acredita que apesar do tropeço a equipe conseguiu se impor.

"Não demos chance para eles, jogamos com um a menos, implantamos nosso ritmo. O importante era somar pontos, conseguimos somar um ponto dentro de casa, se perdesse seria pior. Vamos continuar, o mais importante é classificar", comentou

Arbitragem

O atleta aproveitou para também reclamar da arbitragem, muito criticada após o fim do jogo pelo vice-presidente de futebol coral Felipe Rego Barros.

Na visão de Salino, o árbitro Thiago Nascimento errou em expulsar o volante Luiz Otávio logo no início da partida. "Complicado jogar em um campo grande como esse, mesmo jogando em casa, com um a menos desde os sete minutos. Não gosto de falar de arbitragem, mas acho que o juiz se equivocou, um amarelo seria bem visto", disse.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias