tricolor

Atacante recebeu proposta da Série B, mas quer ficar no Santa Cruz

O centroavante Pipico abriu mão de um salário maior para buscar a permanência no Tricolor do Arruda

Karoline
Karoline
Publicado em 09/09/2019 às 19:09
Notícia
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
O centroavante Pipico abriu mão de um salário maior para buscar a permanência no Tricolor do Arruda - FOTO: Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Leitura:

O atacante Pipico quer ficar no Santa Cruz. Há duas temporadas no clube, o jogador já expressou ao clube seu desejo e agora aguarda uma resposta da direção coral para definir seu futuro. Em entrevista à Rádio Jornal, nesta segunda-feira (9), o artilheiro tricolor revelou que abriu mão de salários maiores na Série B do Campeonato Brasileiro para permanecer no time pernambucano.

"Estou fazendo de tudo para poder jogar no Santa Cruz em 2020 novamente, abrindo mão de um salário muito maior, de Série B, para dar prioridade em renovação ao Santa Cruz. Tudo que eu estou podendo fazer para ficar no Santa, eu estou fazendo. Recebi proposta de Série B com salário muito maior do que estou ganhando, mas estou dando prioridade ao Santa Cruz porque eu me identifiquei com o clube", disse.

De acordo com Pipico, todas as situações foram repassadas ao clube junto ao seu empresário Ítalo Pontes. Além da proposta da Segunda Divisão, o centroavante revelou que também foi contactado por clubes que disputam a Série A nacional. Mas, tomou a decisão de ficar no clube do Recife com a família.

"Eu e minha família amamos esse clube. Ama essa torcida linda. Pode ter certeza que eu estou muito triste por não ter participado desses jogos finais. Tenho certeza que eu poderia ter ajudado. Infelizmente não aconteceu. Tenho certeza também que o clube se identificou comigo, minha família está feliz aí", concluiu o jogador.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias