Série B

Sport perde a terceira consecutiva e cai para sexto

Jogando um futebol abaixo da crítica, Leão perdeu por 3x1, na Ilha do Retiro, e se afastou ainda mais do G-4, sendo, inclusive, ultrapassado pelo Boa Esporte

Diogo Menezes
Diogo Menezes
Publicado em 04/10/2011 às 22:28
Foto: Guga Matos/JC Imagem
Jogando um futebol abaixo da crítica, Leão perdeu por 3x1, na Ilha do Retiro, e se afastou ainda mais do G-4, sendo, inclusive, ultrapassado pelo Boa Esporte - FOTO: Foto: Guga Matos/JC Imagem
Leitura:

Com um rendimento abaixo de seu normal e totalmente anulado e dominado pela eficiente marcação do São Caetano, o Sport amargou a sua terceira derrota seguida na Série B ao ser batido por 3x1, na noite desta terça (4), na Ilha do Retiro. Antes havia sido derrotado pelo Criciúma por 1x0 e 3x0 diante do ABC. O time rubro-negro caiu da quinta para a sexta colocação, com 43 pontos, e foi ultrapassado pelo Boa Esporte, que venceu o Salgueiro por 1x0 e chegou aos 45. Além disso, o Americana, na terceira posição, empatou por 1x1 com o Bragantino, aumentou a diferença para cinco pontos, os mesmos em relação ao Náutico, quarto colocado. Assim, o G-4 está mais distante. Mesmo com a vitória, o time paulista permanece na 17ª, zona de rebaixamento, com 33 pontos.

O Sport iniciou o jogo em ritmo lento, aceitando a marcação do São Caetano, que de forma eficiente foi se impondo diante do um adversário cheio de defeitos, errando passe e sem força ofensiva. Como não conseguia entrar na área do Azulão, o time rubro-negro tentou finalizar de fora da área, mas sem sucesso.

O problema era que o São Caetano não dava chances ao Sport. Mandava na partida e explorava as falhas dos volantes Naldinho e Rithely, enquanto os laterais Thiaguinho e Wellington Saci não tinham espaço para ir ao ataque. Marcelinho Paraíba pouco criava e os atacantes Bruno Mineiro e Willians eram ineficientes.

Aos 31 minutos, o meia Kléber obrigou Magrão a uma boa defesa, colocando para escanteio. Souza cobrou e o lateral Artur, livre na falha defensiva do Sport, cabeceou para fazer 1x0. O mesmo Artur, em bela jogada, entrou na área e colocou na saída de Magrão: 2x0.

A torcida rubro-negra perdeu a paciência e passou a vaiar e gritar ?timinho, timinho...?. Foi nesse clima que o time voltou para o segundo tempo e com o meia Maylson na vaga de Naldinho. Em desvantagem, o Sport foi para cima. Logo aos seis minutos, Willians desperdiçou uma grande oportunidade finalizando para fora. Dois minutos depois, Marcelinho Paraíba cobrou falta da esquerda. Willians cabeceou e a bola foi na trave. No rebote, Bruno Mineiro, em impedimento, só tocou para diminuir o placar: 1x2.

O São Caetano não se abalou. Continuou mandando na partida e aos 14, chegou ao terceiro gol com Nunes. A partir daí, administrou o resultado e venceu o jogo de forma merecida.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias