GOLEADORES

Pelo Sport, André enfrenta ex-companheiro na briga pela artilharia

Partida entre Sport e Ponte Preta marca o duelo de goleadores do Brasileirão

FELIPE HOLANDA
FELIPE HOLANDA
Publicado em 09/08/2017 às 15:13
Diego Nigro/JC Imagem
Partida entre Sport e Ponte Preta marca o duelo de goleadores do Brasileirão - FOTO: Diego Nigro/JC Imagem
Leitura:

O duelo entre Sport e Ponte Preta, domingo (13/8), na Ilha do Retiro, marca o choque de dois goleadores: André e Lucca. Os dois aparecem brigando pela artilharia do Brasileirão - o leonino tem nove gols e é o terceiro maior goleador, enquanto o atacante do time campineiro é dono do segundo posto, com 10, apenas um a menos que o artilheiro Jô, do Corinthians, autor de 11.

Depois de enfrentar o ex-companheiro Jô, no último sábado, na derrota do Sport para o Corinthians por 3x1, André reencontra outro velho conhecido no próximo domingo (13). Com Lucca, o camisa 90 leonino jogou com o Corinthians na última temporada e brincou o atacante da Ponte.

"Eu pude jogar com o Lucca no Corinthians. Não é a mesma característica minha pois sou muito mais rápido que ele", brincou André, aos risos, para depois falar sério. "Ele é um cara muito rápido, que finaliza bastante. Um jogador de muita qualidade", acrescentou.

Apesar da confiança de André, Lucca pode abrir vantagem na briga pela artilharia. Nesta quarta (9), a Ponte Preta mede forças com o Fluminense, em jogo adiado pela 17ª rodada do Brasileirão.

"Tomara que ele (Lucca) não faça gol contra a gente e eu possa fazer. Claro que o meu objetivo principal não é essa disputa, mas ele é um cara que a gente tem que ter muita atenção pois finaliza muito bem", pontuou André.

PONTE PRETA

Depois da goleada sofrida pela Ponte Preta, o Sport quer se redimir jogando na Ilha do Retiro, pela 20ª rodada. André, por sua vez, garantiu que desta a vez o cenário é diferente da estreia.

"Agora é tudo muito diferente, estamos lá em cima na tabela e eles estão na parte de baixo. O momento agora é outro. Se você pegar a escalação daquele jogo e ver a de domingo é totalmente diferente. É outro time, outra cabeça e outro campeonato. Porque agora começa o segundo turno", contou André.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias