Cria da Base

Índio quer embalar após primeiro gol pelo Sport no ano

No último sábado ele anotou o primeiro gol em 2018 pelo rubro-negro, terceiro como profissional

Vinícius Barros
Vinícius Barros
Publicado em 26/02/2018 às 8:52
Foto: Guga Matos/JC Imagem
No último sábado ele anotou o primeiro gol em 2018 pelo rubro-negro, terceiro como profissional - FOTO: Foto: Guga Matos/JC Imagem
Leitura:

O terceiro gol do Sport na goleada ante o Vitória no último sábado serviu para dar ânimo ao atacante Índio, de 20 anos. Cria da base, o jogador entrou ainda no primeiro tempo após contusão do titular Rogério e soube aproveitar a chance.

Aos cinco minutos da segunda etapa ele anotou o primeiro gol em 2018 pelo rubro-negro, terceiro como profissional. "Eu acho que vinha jogando bem e estava faltando o gol. Isso me dá um pouco de alívio, e acho que vai tirar um peso para mim. Se Deus quiser vai ser disso para melhor", disse.

Índio comentou ainda que precisa evoluir mais para continuar sendo acionado pelo treinador Nelsinho Baptista. "Pude entrar bem na partida, mas sei que tenho que trabalhar porque estou errando muito ainda no último lance e sei que não posso perder", frisou.

Tranquilidade

O bom resultado, conquistado no último sábado, na Ilha do Retiro, foi visto pelo atacante como importante para tranquilizar o torcedor e a equipe rubro-negra. "Acho que foi um alívio para toda a equipe, por causa das cobranças. A torcida ainda está um pouco magoada pela desclassificação da Copa do Brasil. Agora vamos nos preparar para vencer o Salgueiro e o clássico", pontuou.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias