À DISPOSIÇÃO

Carlos Henrique na expectativa para estrear pelo Sport

Centroavante de 23 anos foi relacionado para o confronto com o Paraná, domingo, às 16h, no Durival Britto

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 27/04/2018 às 15:07
Foto: Bobby Fabisak/ JC Imagem
Centroavante de 23 anos foi relacionado para o confronto com o Paraná, domingo, às 16h, no Durival Britto - FOTO: Foto: Bobby Fabisak/ JC Imagem
Leitura:

Apesar de já ter confirmado que na sua estreia no comando do Sport vai manter a mesma formação que empatou com o Botafogo (apenas com a entrada de Fellipe Bastos na vaga de Gabriel, vetado), o técnico Claudinei Oliveira ganhou uma opção ofensiva para o confronto diante do Paraná, domingo (29), às 16h, no estádio Durival Britto, pela 3ª rodada do Brasileirão.

Regularizado e com uma melhor condição física - ficou as duas últimas semanas se recondicionando -, Carlos Henrique vai ficar como opção no banco. "Estou muito feliz com a possibilidade de poder fazer a minha estreia no Sport. Acho que é uma oportunidade imensa na minha carreira, onde almejo muita coisa. Mas, primeiramente, quero ajudar o Sport”, falou o centroavante de 23 anos que está tendo a chance de disputar a sua primeira Série A da carreira.

Desde a saída de André, o Sport segue carente de um jogador de área. A saída encontrada nos últimos jogos foi a utilização de um atacante de beirada para executar a função de falso 9 - contra o Paraná, Rogério segue atuando mais avançado. Com essa lacuna em aberto, Carlos Henrique espera se credenciar ao posto de artilheiro da equipe. "Acho que o trabalho vinha sendo bem feito no Londrina, desde o ano passado, quando fui artilheiro e esse ano continuei sendo. Espero repetir o mesmo desempenho aqui no Sport", afirmou.

Antes de ser contratado pelo Leão, o centroavante tinha marcado seis gols pelo Londrina nessa temporada: cinco no Campeonato Paranaense e um na Copa do Brasil.

FORMAÇÃO

A provável formação do Sport tem: Maílson; Raul Prata, Ronaldo Alves, Ernando e Sander; Anselmo, Fellipe Bastos e Neto Moura; Marlone, Andrigo e Rogério. As ausências são os meias Gabriel e Everton Felipe, vetados pelo departamento médico do clube.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias