TREINAMENTO

Abatida, torcida do Sport não abraçou treino aberto

Técnico Milton Mendes segue com dúvida na zaga rubro-negra

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 04/10/2018 às 21:39
Foto: Bobby Fabisak/ JC Imagem
Técnico Milton Mendes segue com dúvida na zaga rubro-negra - FOTO: Foto: Bobby Fabisak/ JC Imagem
Leitura:

Pouco mais de 200 pessoas estiveram presentes na Ilha do Retiro na noite desta quinta-feira (4), para o treino aberto aos sócios, visando o duelo contra o Internacional, esta sexta, às 19h, pelo Campeonato Brasileiro. Se o objetivo da diretoria e da comissão técnica do Leão era ter o calor da torcida, a missão não foi cumprida.

Ao invés de gritos de incentivo, o que se ouviram foram modestas manifestações de protesto contra alguns jogadores. Marlone e Matheus Gonçalves foram os atletas que a torcida mais pegou no pé. O meia teve que ouvir poucas e boas dos rubro-negros durante as movimentações de bola parada. De quatro tentativas, o camisa 10 só acertou um cruzamento.

 

Quanto ao atacante, as críticas foram mais agudas por conta da falta de pontaria nas jogadas ensaiadas. Frente à frente com Magrão, o atleta que veio do futebol mexicano chutou duas bolas para fora e só marcou um gol. Quando balançou as redes, a torcida aplaudiu de maneira irônica.

“Vim para esse treinamento para ver se o time tinha alguma evolução, mas está a mesma coisa. Não mudou nada. Se a gente não se cuidar, vamos perder para o Inter, mas eu ainda acredito que dá pra vencer”, disse o sócio Bruno, que acompanhou o treino na Ilha.

Leia matéria completa AQUI

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias