DÍVIDAS

Vice de futebol do Sport promete quitar pendências financeiras até o final da Série A

Laércio Guerra admitiu o problema financeiro do clube, mas afirmou que tem receita entrando no caixa leonino

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 05/11/2018 às 23:08
Foto: Túlio Feitosa/ JC Esportes
Laércio Guerra admitiu o problema financeiro do clube, mas afirmou que tem receita entrando no caixa leonino - FOTO: Foto: Túlio Feitosa/ JC Esportes
Leitura:

O Sport completou ontem três meses de salários atrasados (carteira, a imagem vence no próximo dia 20). Apesar do problema financeiro que o clube atravessa, o vice-presidente de futebol rubro-negro, Laércio Guerra, garantiu que os jogadores não estão deixando se levar por esse problema extra-campo e prometeu quitar todas as pendências até o final do Brasileirão.

“Temos problemas de fluxo de caixa, mas, por outro lado, temos receita entrando. Assinamos na última semana o contrato com a Caixa Econômica. Eu assumi o problema da negociação de Diego Souza. Fui até o Rio de Janeiro e conversei pessoalmente com o presidente do Fluminense e acredito que esse problema também vai ser resolvido. Os jogadores sabem dos problemas, mas nem por isso diminuem o desejo de tirar o time dessa situação. Não gosto de colocar datas (para pagar), mas até o final do campeonato todos os problemas serão resolvidos”, declarou Laércio.

Ainda segundo o dirigente, “dos 20 clubes que disputam a Série A, apenas dois estão em dia: Palmeiras e Flamengo.  Alguns clubes estão com seis, sete meses de atraso. O Botafogo fez um empréstimo recentemente, o Cruzeiro venceu a Copa do Brasil, embolsou uma boa premiação, mas mesmo assim está com problema financeiro", disse Guerra.

PREMIAÇÃO

Questionado sobre a premiação em caso de permanência do Leão no Brasileirão, o vice de futebol desconversou. "Na verdade, os nossos jogadores estão imbuídos com o sentimento de tirar o Sport dessa situação. Claro que aparte financeira é importante, mas nossa meta é deixar o time no sexto ano seguido na Série A.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias