ilha do retiro

Diretor do Sport lamenta intervalo sem jogos e convoca torcida para lotar a Ilha

Wanderson Lacerda disse que espera 25 mil torcedores do Sport no próximo domingo na Ilha do Retiro, para a semifinal contra o Salgueiro, às 16h

Gabriela Máxima
Gabriela Máxima
Publicado em 02/04/2019 às 10:42
Notícia
JC Imagem
Wanderson Lacerda disse que espera 25 mil torcedores do Sport no próximo domingo na Ilha do Retiro, para a semifinal contra o Salgueiro, às 16h - FOTO: JC Imagem
Leitura:

O Sport completa 10 dias sem jogar nesta terça-feira. Levando em consideração que o time rubro-negro só vai jogar no próximo domingo, contra o Salgueiro, pela semifinal do Campeonato Pernambucano, a equipe comandada pelo técnico Guto Ferreira ficará 14 dias sem disputar uma partida oficial. De acordo com o diretor de futebol Wanderson Lacerda, o ideal para o clube é jogar duas vezes na semana, preferencialmente domingo e quarta-feira. 

"O ideal para qualquer clube é jogar domingo e quarta. Qualquer coisa acima disso compromete, mas 14 dias realmente é muito (tempo). Gera saudade do torcedor de ver seu clube jogar. E no Brasil o domingo é sagrado ao futebol. O que o Sport faz é jogar com esse fator do tempo, por isso jogamos contra uma equipe da Paraíba, porque a repetitividade (da rotina) acaba cansando. Esse intervalo é benéfico. Mas além da saudade, tem a parte financeira. Toda vez que o clube joga tem uma renda que ajuda a pagar as contas", argumentou o dirigente. 

25 MIL NA ILHA

Wanderson também destacou que a expectativa é ver a Ilha do Retiro lotada no duelo contra o Salgueiro no próximo domingo, às 16h. Ele convocou a torcida, ressaltando que espera cerca de 25 mil rubro-negros nas arquibancadas. "Nós estamos precisando colocar 25 mil torcedores para fazer um grande jogo, com uma grande torcida. As promoções se repetem. Se conseguirmos os 25 mil o torcedor pagará menos R$ 3,00 e o ingresso ficará quase de graça. Existe uma série de promoções para incentivar a ida do torcedor", concluiu. 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias