DESEJO DE RENOVAR

'O Sport abriu as portas para mim no momento mais difícil da minha carreira', diz Hyuri

Atacante, de 28 anos, revela desejo de permanecer no clube rubro-negro na próxima temporada

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 28/10/2019 às 18:21
Notícia
Foto: JC Imagem
Atacante, de 28 anos, revela desejo de permanecer no clube rubro-negro na próxima temporada - FOTO: Foto: JC Imagem
Leitura:

"O Sport abriu as portas para mim no momento mais difícil da minha carreira, arrisco a dizer". O momento Hyuri está atravessando é totalmente diferente do início da temporada. Se o atacante, de 28 anos, não sabia em qual clube iria atuar em 2019, já que o Atlético-MG, clube que detém os seus direitos econômicos, não contava com o seu futebol nesse ano, e a incerteza quanto o seu futuro o incomodava, agora Hyuri é só felicidade de ser peça importante na campanha que está conduzindo para o acesso do Leão à Série A de 2020.

Diante da chance que o Sport lhe deu, quando nenhum clube o procurou, o atacante confidencia que o seu desejo é permanecer no Leão na próxima temporada. Uma prova de retribuir o carinho e a gratidão pelo time rubro-negro. "Passa sim pela minha cabeça (renovar para ficar em 2020). O Sport foi o clube que abriu as portas para mim no momento mais difícil da minha carreira, arrisco a dizer. Comecei a temporada sem saber para onde iria. Mas é uma decisão que não passa apenas por mim", declarou Hyuri, que tem vínculo com o Atlético-MG até dezembro de 2020.

Apesar de o foco total nessa reta final de competição ser garantir o acesso à Primeira Divisão, Hyuri não esconde que já vem conversando nos bastidores para nortear o seu futuro. "A gente sempre pensa (em renovar), conversa com os diretores, escuta as ideias que eles têm para a próxima temporada, mas agora é pensar em selar o nosso acesso e procurar ir por etapas para planejar o ano que vem", ponderou.

PROPOSTA

O atacante leonino ainda revelou que recebeu proposta para deixar o Sport no meio da Segundona, mas sequer chegou a procurar saber da oferta, rejeitando de imediato. "Tive a oportunidade de deixar o Sport no meio do ano, mas não quis nem ouvir a proposta, porque eu acreditava que eu poderia cumprir o meu contrato aqui até o final da Série B", falou Hyuri, revelando que a proposta foi para disputar a Série A, mas preferiu não dizer o clube que lhe procurou.

Mesmo sendo contratado na reta final do Pernambucano e sendo inscrito a tempo de disputar o Estadual, Hyuri só foi estrear na Série B, disputando até aqui 15 partidas e marcando três gols pelo Leão: contra América-MG, Vila Nova e Ponte Preta.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias