Cidade Alta

Boizinhos de Carnaval se encontram em Olinda

Brincadeira começa a partir das 18h na Rua da Hora. O Sítio Histórico também terá apresentação de afoxés

Da Editoria Cidades
Da Editoria Cidades
Publicado em 18/02/2015 às 8:44
Foto: Guga Matos/JC Imagem
Brincadeira começa a partir das 18h na Rua da Hora. O Sítio Histórico também terá apresentação de afoxés - FOTO: Foto: Guga Matos/JC Imagem
Leitura:

Enquanto o bacalhau faz a festa na Cidade Alta, na manhã da Quarta-Feira de Cinzas (18), no comecinho da noite são os bois que tomam conta de Olinda. Os grupos saem de pontos distintos do Sítio Histórico e se encontram na Rua da Boa Hora, a partir das 18h. Quem já foi, só faz elogios: brincadeira saudável nas ladeiras quase vazias, gente bonita e clima de paquera.

A Cidade Alta também estica a farra com um Encontro de Afoxés, na Ribeira, a partir das 19h. Doze grupos se apresentam no mercado: Omo Inã, Oba Yroco, Povo de Ogunté, Omin Sabá, Oxum Pandá, Yle de Egbá, Ogbon Obá, Alafin Oyó, Omo Obadê, Ara Odé, Filhos De Xangô e Obá Ayrá.

No Recife, moradores teimosos e inconformados com o fim da folia, prolongam o Carnaval na Zona Norte da cidade, em plena Quarta-Feira de Cinzas, com o desfile dos Irresponsáveis de Água Fria, animado por trios elétricos.

A concentração começa cedo, com uma café da manhã. Mas a agremiação só ganha as ruas no início da tarde. Fundado em 1983, por um grupo de amigos, o bloco arrasta uma multidão em Água Fria e no Arruda, bairro vizinho.

Casa Amarela, na Zona Norte da capital pernambucana, se despede do Carnaval 2015 ao som da banda de reggae brasileira Tribo de Jah, que se apresenta a partir das 21h30 no palco montado pela prefeitura, perto do mercado público do bairro. Antes, passam no mesmo polo os grupos Amperes (a primeira atração, prevista para as 17h), Plugins e Suburbanos.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias