Brasília

Estoque dos bancos de leite do Distrito Federal está em situação de emergência

Quantidade de leite disponível está quase zerada e não é suficiente para alimentar os bebês prematuros internados ou doentes

Priscila Miranda
Priscila Miranda
Publicado em 19/03/2012 às 16:25
Leitura:

BRASÍLIA – O estoque dos dez bancos de leite das centrais regionais de saúde do Distrito Federal está em situação de emergência. De acordo com a coordenadora dos Bancos de Leite da Secretaria de Saúde, Míriam Santos, a quantidade de leite disponível está quase zerada e não é suficiente para alimentar os bebês prematuros internados ou doentes. As situações mais graves são as dos bancos de leite da Asa Sul e da Asa Norte.

Segundo a Secretaria de Saúde do Distrito Federal, em janeiro, 1.022 crianças foram beneficiadas com as doações. Em 2011, foram 12.327 atendimentos, com consumo de 50 litros de leite por dia. Para Míriam Santos, para que a situação se normalize, as doações devem ser superiores à quantidade utilizada em 2011 já que nem todo o leite doado é aproveitado. Parte não recebe o aval do controle de qualidade, em função de problemas de armazenamento que podem fazer com que o leite se contamine.

No Distrito Federal, a mãe que tem leite de sobra e quer doar pode ligar em qualquer banco de leite da rede pública, que funciona nos hospitais. O Corpo de Bombeiros levará, na residência da doadora, vidros para o recolhimento do leite e material explicativo com orientações para a ordenha. Depois de armazenado, os bombeiros passam para recolher o leite. A lista com os bancos de leite do Distrito Federal e orientações para a retirada do leite podem ser consultadas no site da Secretaria de Saúde.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias