Mobilização

Sem-terra dão início a ocupações de propriedades rurais no interior paulista

Cinco fazendas já foram ocupadas e outras deverão ser tomadas neste sábado e domingo

Renata Monteiro
Renata Monteiro
Publicado em 07/09/2012 às 17:42
Leitura:

Famílias de sem terra foram mobilizadas para ocupar propriedades rurais, durante o feriado prolongado, nas regiões do Pontal do Paranapanema, Alta Paulista e Araçatuba, no interior paulista, todas na região oeste do estado, disse à Agência Brasil Luciano de Lima,  integrante do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra da Base (MSTB), entidade dissidente do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).

“Infelizmente, desde o começo do ano estão paradas as ações de assentamento”, declarou, justificando que as invasões foram organizadas com o objetivo de  pressionar as autoridades a agilizar a distribuição de terras para as famílias cadastradas naquela região e que somam em torno de 8 mil. De acordo com ele, cinco fazendas já foram ocupadas e outras deverão ser tomadas, em movimentos pacíficos, amanhã (8) e, no domingo (9). Todas as glebas são áreas de grande extensão entre terras devolutas e improdutivas. 

Uma delas é a Fazenda Célia Maria, na cidade de  Marabá Paulista, ocupada por um grupo formado por 200 integrantes do MSTB. Mais 150 manifestantes ocuparam a Fazenda São José, no municíío de Tabarai. Também ocorreram ações semelhantes nas fazendas Clarice, em Iacri; Mondengo, na cidade de Arco-Iris  e Bandeirantes, em Paulicéia.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias