nova dutra

Chuva leva concessionária a suspender obras na Serra das Araras

As obras tiveram início no sábado (24) e são feitas entre os quilômetros 227 e 219

Agência Brasil
Agência Brasil
Publicado em 25/11/2012 às 15:31
Leitura:

As chuvas que atingem os estados do Rio de Janeiro e de São Paulo levaram a concessionária Nova Dutra a suspender as obras de recuperação da pista de descida da Serra das Araras, sentido Rio de Janeiro, da Rodovia Presidente Dutra – a principal via de ligação entre os dois estados.

As obras tiveram início no sábado (24) e são feitas entre os quilômetros (km) 227 e 219 , na altura do município de Piraí (RJ). As previsões da concessionária indicam a realização das obras em duas etapas – a primeira neste fim de semana e a segunda no próximo.

Durante os trabalhos, a pista de descida será interditada e o tráfego no sentido Rio de Janeiro será desviado para a pista de subida da Serra das Araras, que vai operar em mão-dupla. Segundo a concessionária, a interdição total da pista de descida da serra é necessária, uma vez que haverá intervenções em todas as faixas de rolamento.

Na recuperação do pavimento, a Nova Dutra adotará tecnologia já utilizada em alguns trechos da rodovia, que aumenta o grau de aderência dos pneus em curvas, principalmente em dias de chuva, e oferece maior conforto, diminuindo o ruído.

Durante os trabalhos de reparo, será proibida a ultrapassagem no trecho de mão-dupla. A velocidade máxima no trecho durante as obras será de 40 quilômetros por hora, tanto na pista de subida quanto na de descida.

Neste momento, segundo informações da concessionária, o movimento é normal na Via Dutra, em ambos os sentidos. Na parte da manhã, dois acidentes causaram engarrafamentos e interdições parciais das pistas nos dois sentidos.

Um acidente sem maiores gravidades, entre os quilômetros 306 e 307, na altura de Resende, causou cerca de cinco quilômetros de engarrafamento na pista sentido São Paulo – que chegou a ficar parcialmente interditada.

No sentido Rio, outro acidente deixou o trânsito lento e com retenções entre os quilômetros 311 e 307. A concessionária recomenda cautela aos motoristas, principalmente nas pistas de subida e descida da Serra das Araras, que estão escorregadias em razão da chuva fina na região.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias